Asma br´nquica al©rgica

  • View
    6.034

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Asma br´nquica al©rgica

Asma brnquica alrgica

Asma brnquica alrgicaEquipe:Dbora SiqueiraFernanda silvaPaola oliveiraFaculdade presidente Antonio Carlos de itajubTrabalho apresentado ao prof. MSc. Luiz Prudncio Santos, na disciplina de Imunologia, no 4 perodo do curso de Enfermagem, para obteno de pontos.

asma A asma uma doena inflamatria crnica das vias areas que ataca o sistema respiratrio e resulta na reduo ou at mesmo obstruo no fluxo de ar.Vias areasAs vias areas so tubos que do passagem ao ar. Elas iniciam no nariz, continuam como nasofaringe e laringe (onde se localizam as cordas vocais) e, no pescoo, tornam-se um tubo largo e nico chamado traqueia. J no trax, a traqueia divide-se em dois tubos (brnquios), direito e esquerdo, levando o ar para os respectivos pulmes. Dentro dos pulmes, os brnquios vo se ramificando e tornam-se cada vez menores (bronquolos) espalhando o ar.

A mucosa brnquica o revestimento interno das vias areas, e pode ficar constantemente inflamada devido a hiper-reatividade brnquica (sensibilidade aumentada dos brnquios).Nas crises de asma, esta hiper-reatividade brnquica aumenta ainda mais e determina o estreitamento das vias areas, ocasionando a dispnia (falta de ar).

Exames clnicos para diagnstico de asma

Radiografia de trax.A radiografia para visualizar o interior dos pulmes ajuda a descartar outras causas possveis dos sintomas, incluindo bronquite, pneumonia e cncer de pulmo.

Raios X ou TC dos seios paranasais um exame que utiliza os raios X para identificar plipos nasais (crescimento nos seios paranasais) ou sinusite (inflamao ou edema dos seios paranasais decorrente de infeco); ambas as condies podem dificultar o tratamento e o controle da asma.Avaliao do escarro.Atravs deste exame avalia-se o muco expectorado dos pulmes procura de eosinfilos - leuccitos cujo nvel aumenta durante as crises de asma e que so deflagrados por outras alergias.

Hemograma completo.Esse exame mostra nveis elevados de leuccitos, o que poderia indicar infeco, como bronquite ou pneumonia; nveis altos de eosinfilos tambm sugerem um componente alrgico na asma.

Como se desenvolve Os mecanismos que causam a asma so complexos e variam entre a populao. Nem toda pessoa com alergia tem asma e nem todos os casos de asma so explicados pela resposta alrgica do organismo a determinados estmulos.

Cerca de um tero de todos os asmticos possui um familiar (pais, avs, irmos ou filhos) com asma ou com outra doena alrgica.Alguns vrus e bactrias causadoras de infeces respiratrias tambm podem estar implicadas em alguns casos de asma que se iniciam na vida adulta.

A asma brnquica pode surgir em qualquer etapa da vida.

Na maioria das vezes, se inicia na infncia e poder ou no durar por toda a vida.

TiposAsma extrnseca:Ocorre quando as crises so provocadas por uma exposio a estmulos claramente provenientes do exterior do organismo. Constitui cerca de 30% dos casos de asma e inclui todos os casos em que o componente alrgico evidente.Asma intrnseca:Ocorre sempre que o aparecimento das crises no est relacionado com nenhum fator precipitante externo. Representa cerca de 70% dos casos e no pode ser atribudo a nenhum componente alrgico especfico, podendo manifestar-se em qualquer idade, embora seja mais frequente nas pessoas com mais de 40 anos.Fatores desencadeadores

poeiramofo

plenCheiro forte PelosResfriado

fumaa

caros,fungossintomatologiaOs sintomas da asma alrgica e no alrgica so os mesmos. Eles incluem:

Tosse, Chiado, Falta de ar ou respirao rpida, Aperto no peito.

Estes sintomas so frequentemente desencadeados por determinado fenmeno (gatilho) identificvel.Preveno para evitar uma crise asmtica Encapar colches e travesseiros. Lavar semanalmente as roupas de cama. Retirar cortinas, tapetes, carpetes. Evitar animais domsticos. Promover a ventilao do ambiente.

tratamentoA asma uma doena que no tem cura, mas com o tratamento adequado pode ser devidamente controlada, permitindo ao paciente levar uma vida normal.O tratamento da asma feito basicamente por medicamentos anti-inflamatrios (geralmente, esterides inalatrios) para manuteno e por broncodilatadores (geralmente, beta-2-adrenrgicos inalatrios de efeito rpido) para as crises. Outros medicamentos como os antileucotrienos so usados para o tratamento da asma crnica.

Alm dos medicamentos, os pacientes devem procurar descansar, manterem-se bem nutridos e participarem de atividades fsicas regulares e apropriadas para o seu bem-estar. Todos estes fatores colaboram para o controle desta doena.

refernciashttp://www.medipedia.pt/home/home.php?module=artigoEnc&id=211

http://www.dicatual.com/como-tirar-mofo-de-paredes/

http://www.abcdasaude.com.br/artigo.php?38

http://blogamelias.com.br/saude/o-seu-maior-inimigo-pode-deitar-ao-seu-lado-veja-as-dicas-e-saiba-como-prevenir-alergias-de-inverno/3/http://www.aescoladavida.com/tag/vegetarianismo/

http://www.medicando.com.br/conteudo/destaque/dia-da-asma-saiba-como-funciona-o-diagnostico-e-tratamento

http://www.comentei.com.br/sintomas-da-asma-alergica-diagnostico-e-tratamento

Fim!