COMUNICAÇÃO INTERNA: ESTRATÉGIA GERENCIAL COM .centro universitÁrio de belo horizonte curso de

  • View
    218

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of COMUNICAÇÃO INTERNA: ESTRATÉGIA GERENCIAL COM .centro universitÁrio de belo horizonte curso de

  • CENTRO UNIVERSITRIO DE BELO HORIZONTE

    Curso de Administrao

    COMUNICAO INTERNA: ESTRATGIA GERENCIAL COM FOCO NOS RESULTADOS FINAIS DE UMA ORGANIZAO

    Ktia da Conceio Pena1 Thas Alves Santana

    Waldiane de vila Fialho2

    RESUMO

    Este artigo aborda a Comunicao Interna, tema principal, como estratgia gerencial para alcanar os melhores resultados finais de uma organizao. A metodologia utilizada foi o estudo de caso, com a abordagem de anlise de dados quantitativa e qualitativa, por meio de questionrio aplicado aos colaboradores, pesquisa descritiva e de natureza bsica. Os dados coletados pelas amostragens pesquisadas foram analisados e representados por meio de grficos. O resultado da pesquisa demonstra que, para se adquirir um excelente resultado operacional, fundamental usufruir de ferramentas gerenciais, com o objetivo de buscar melhorias contnuas para a realizao de uma comunicao clara e transparente, junto aos empregados/ colaboradores de uma organizao empresarial.

    PALAVRAS-CHAVE: Comunicao Interna; Comunicao Organizacional; Planejamento Estratgico; Resultados Finais. 1 INTRODUO O tema do presente artigo a anlise sobre como a Comunicao Interna pode

    influenciar nos resultados finais de uma organizao, a partir do estudo em uma

    organizao.

    A comunicao interna um processo qualificado e eficiente. Visa a facilitar o fluxo

    de informao, ao controlar possveis surgimentos de rudos (boatos e intrigas), os

    quais podero acarretar conflitos e perdas imensurveis. Tais prejuzos poderiam

    ser evitados, uma vez que a comunicao deve ser um instrumento bsico de um

    1 Graduandas do curso de Administrao do Centro Universitrio de Belo Horizonte UNIBH. E-mail:

    katia-pena@hotmail.com e tatasantana3@yahoo.com.br . 2 Professora orientadora. Mestre em Artes Visuais. E-mail: waldiane.fialho@prof.unibh.br .

    mailto:katia-pena@hotmail.commailto:tatasantana3@yahoo.com.brmailto:waldiane.fialho@prof.unibh.br
  • 2

    Av. Prof. Mrio Werneck, 1685 - Estoril - CEP: 30455-610 BH/MG

    (31)3319.9500

    relacionamento sustentvel, ajudando a aumentar a confiana entre colaboradores e

    empresa, garantindo, assim, a credibilidade nos negcios da organizao.

    A comunicao uma ferramenta de extrema importncia e necessidade, seja qual for a sua rea de atuao, ela o fator determinante do sucesso ou fracasso da empresa junto ao cliente final, seja ele interno ou externo (FREIRE, 2007, p.27).

    Em outros tempos, a comunicao empresarial era destinada em prol da

    comunicao externa, voltada para os clientes e deixando os empregados sem

    orientao adequada quanto aos objetivos e metas da organizao. Dessa forma,

    no havia envolvimento das partes administrativas e acabava comprometendo os

    resultados finais, j que havia mau gerenciamento da comunicao como ferramenta

    estratgica.

    A comunicao deixou de ser atividade-meio para ser utilizada como ferramenta estratgica de resultados das empresas e corporaes na Europa, h pelo menos dez anos. [...] O incio dos anos 1990 consolidou a atividade empresarial sob o ponto de vista estratgico. Em todo mundo, cada vez maior o nmero de empresas lderes que destacam a comunicao como fator fundamental para o seu bom desempenho (MATOS, 2009, p. 62).

    necessrio envolver os funcionrios, criar programas em que eles possam falar,

    ser ouvidos e gerar comprometimento para ambas as partes: empresa e

    colaboradores.

    De certa forma, os cenrios das organizaes corporativas tendem a desenvolver

    suas habilidades ao se relacionar bem com os stakeholders3, com o objetivo de

    manter uma sociedade sustentvel com os seus fornecedores, parceiros,

    colaboradores e clientes, como estratgia de sobreviver s mudanas no mundo

    corporativo.

    3 Stakeholders: termo ingls que define pessoas ou grupo de interesses que tem o poder de

    influenciar ou decidir de direto ou indiretamente nos negcios de uma empresa. Assim como so afetados e influenciados pela empresa e sua atuao, segundo E-book gil (2015).

  • 3

    Av. Prof. Mrio Werneck, 1685 - Estoril - CEP: 30455-610 BH/MG

    (31)3319.9500

    O objetivo geral do trabalho pesquisar os problemas no processo de comunicao

    interna que dificultam a recepo e a divulgao de informaes que podem

    influenciar diretamente nos resultados.

    Por meio da pesquisa sero alcanados os objetivos especficos: compreender o

    fluxo de informaes da empresa estudada, identificar os problemas que dificultam o

    processo de comunicao e sugerir proposta de melhoria na comunicao

    (feedback).

    Atualmente, o ambiente corporativo apresenta constantes mudanas provocadas por

    diversas influncias presentes nos processos de comunicao, pelo fato de no

    estarem preparadas para transmitir mensagens com coerncia. As empresas devem

    procurar transformar essas informaes em recursos de estratgias.

    Diante desde contexto o problema desta pesquisa : Quais as influncias a

    comunicao interna pode acarretar nos resultados finais de uma organizao?

    Este estudo importante para o meio acadmico, pois o tema abordado possibilita

    mais do que simplesmente avaliar. Ele apresenta a possibilidade de um ambiente de

    trabalho com melhoria contnua nos processos, permitindo rever e corrigir aes.

    O ser humano desenvolve-se e realiza-se graas a sua capacidade de comunicar e,

    assim, de interagir com outros indivduos e com a sociedade (MATOS, 2009, p. 32).

    Como profissionais administradores, essencial comunicar-se com clareza. Uma

    comunicao bem sucedida nos torna mais que gestores da comunicao, nos torna

    estrategistas da comunicao.

    2 REFERENCIAL TERICO 2.1 COMUNICAO ORGANIZACIONAL

  • 4

    Av. Prof. Mrio Werneck, 1685 - Estoril - CEP: 30455-610 BH/MG

    (31)3319.9500

    Rego (1986) aponta que a comunicao organizacional trabalha acrescentando

    formas, recursos, canais para disseminar opinio sobre a instituio, se

    empenhando na disseminao de sua boa imagem, fortalecendo sua identidade

    corporativa.

    De acordo com Kunsch (2003), a comunicao organizacional se constitui em um

    setor planejado, com objetivos definidos, para facilitar a interao entre a

    organizao e seus empregados, utilizando ferramentas da comunicao como

    estratgia principal.

    Em se tratando de comunicao organizacional, Corrado (1994) defende que a

    Comunicao Interna deve ser a primeira preocupao da organizao para sua

    eficincia. O autor diz que, quando a comunicao com os empregados se

    concentra no cumprimento da misso empresarial, cria-se um valor.

    O papel da Comunicao Interna no se resume em somente corrigir falhas. Vai

    alm da informao. Norteia as tomadas de deciso, auxiliando a organizao a

    conhecer a si prpria, antes de estabelecer objetivos.

    Rego (1986) menciona quinze estratgias para tornar um sistema de comunicao

    interna altamente eficaz. Se alinhadas ao planejamento organizacional, podem

    influenciar diretamente no rumo das organizaes:

    1. planejar a comunicao de maneira sinrgica e integrada;

    2. abrir e tornar mais equilibrados os fluxos da comunicao;

    3. tornar simtrico o marketing institucional e comercial;

    4. valorizar e enfatizar canais participativos de comunicao;

    5. estabelecer uma identidade (transparente e forte) para a projeo externa;

    6. criar uma linguagem sistmica e uniforme;

    7. valorizar o pensamento criativo;

    8. acreditar na comunicao como um poder organizacional;

    9. reciclar periodicamente o corpo de profissionais;

  • 5

    Av. Prof. Mrio Werneck, 1685 - Estoril - CEP: 30455-610 BH/MG

    (31)3319.9500

    10. investir em informaes;

    11. ajustar os programas de marketing social ao contexto sociopoltico;

    12. valorizar os programas de comunicao informal;

    13. assessorar;

    14. no apenas executar programa de comunicao;

    15. focar a comunicao para prioridades e ter coragem para assumir riscos e

    gerar inovaes.

    Todas estas aes tm grande importncia na responsabilidade da qualidade de

    comunicaes de uma empresa, mas vale ressaltar duas dessas estratgias. A

    primeira se refere ao planejamento de uma comunicao sinrgica e integrada, que

    representa a possibilidade de no se esconder nada de ningum, se empenhar ao

    mximo para tornar a comunicao clara e objetiva.

    A segunda estratgia relaciona-se ao fato de que as pessoas devem acreditar na

    comunicao como um poder organizacional, ou seja, uma comunicao que sirva

    como mensagem a todos, em busca de um fluxo comunicativo eficaz, que transmita

    claramente os valores e objetivos da empresa. Enfim, sem comunicao

    profissionalizada, no h organizao que se inicie com boas chances e xitos, nem

    se mantenha de forma eficaz e duradoura. (MARTINUZZO, 2013. p.14).

    Atualmente, a comunicao tem o papel de servir como suporte nas tomadas de

    deciso, e a capacidade de fazer com que as organizaes enfrentem os desafios

    competitivos de uma sociedade que se torna cada vez mais exigentes em qualidade

    e em direitos.

    indispensvel que se cumpra o verdadeiro papel social de proporcionar um dilogo

    aberto e democrtico, em que a estratgia de gesto da empresa se estabelea com

    base em princpios ticos e sociais.

    A comunicao sem o compromisso estratgico dificilmente conseguir legitimar-se no novo cenrio competitivo, correndo srio risco de se manter irrelevante e trazer