Click here to load reader

Etiqueta Comportamento

  • View
    68

  • Download
    14

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Regras de etiqueta

Text of Etiqueta Comportamento

  • Dicas para todas as ocasies

  • ETIQUETA COMPORTAMENTO

    Dicas para todas as ocasies

    NOM CULTURAL

  • li T I Q U F. T A S

    APRESENTAO

    muito comum confundir etiqueta com cerimnia, com sofisticao. Na verdade, etiqueta compreende um conjunto de regras simples, maleveis e dinmicas, que vm evoluindo ao longo dos anos. O que hoje aceito sem reservas j causou polmica no passado; o que ele-gante no Brasil, pode ser de mau gosto em outro pas. Ou seja, a etiqueta no nica e absoluta ao con-trrio, muda conforme o lugar e a poca.

    Atualmente, praticidade a palavra de ordem desta era tecnologica, em que cada dia nos surpreendemos com o avano dos equipamentos eletrnicos, com a reno-vao de costumes, novidades que, sem dvida assom-brariam as pessoas de algumas dcadas atrs.

    No dia-a-dia, nas ruas, no trabalho, nos relaciona-mentos afetivos, nas festas, nos lugares pblicos, ao tele-fone, em todas as situaes, enfim, se torna cada vez mais necessrio respeitar as diferenas, o espao alheio, para que cada um conquiste um espao prprio, sua indi-vidualidade. E isso no precisa ser feito com rigor, mas com respeito e naturalidade. Por isso a etiqueta mostra agora uma cara mais moderna, apresenta uma nova pro-posta de comportamento.

    Este Guia traz todas as informaes e dicas para que voc se saia bem nas mais diversas situaes e possa redescobrir a alegria de estar com as pessoas num con-vvio honesto e natural.

    O Editor

  • SUMRIO

    I - SOCIAL

    APRESENTAES 11

    A ordem respeito 12 Hora e lugar 12 Auto-apresentao 14 Cumprimentos 15

    Quem cumprimenta primeiro... 17 O aperto de mo 18 Quando levantar-se 20 Quando beijar 21 Beija-mo 22

    Formas de tratamento 24 Conversao 27

    Para incio de conversa 28 Tom de voz 28 Gestos 30 Modo de falar 32 Saber ouvir x fala-r demais 33 Interrupes 34 Assuntos 34 Gafes 38

    AO TELEFONE 39 Quando ligar 40 Como falar 42 Deixar e pegar recados 43 O Celular 47

    CORRESPONDNCIA 49

  • Quando se deve escrever 50 As cartas 50 Os cartes-postais 54 Telegrama 54 Cartes de visita 55

    Um para cada ocasio 56 Como us-los 57 Escolha do carto 58 Tipos e formatos 60 O carto profissional 62 Troca de cartes 63

    A MESA 65 Como comportar-se mesa 66 Maneira de sentar-se 67 Mos e braos 67 Modo de comer 68 Como comer certos alimentos 71

    Frutas 79 Sem medo de copos e talheres 83 Conversando mesa 84 Volte sempre 86 Quando a anfitri voc 88

    Compras 89 Louas e talheres 90 O senhor cardpio 91 A bebida certa, no copo certo 94 Decorao e montagem da mesa 99 Servio francesa 99 Servio americana ebuf 107

  • II - PESSOAL

    VOC E A ETIQUETA 109 Atitude 110 Postura 111

    O corpo, esse desconhecido 111 E as mos? 113 Ao sentar-se 114 Olhos nos olhos 115 Distncia 116

    Visual 117 Vesturio e acessrios 117

    Para homens 118 Para mulheres 119

    Bijuterias e jias 120 Chapus, lenos echarpes e meias 121 Cabelos 123 Perfume e maquiagem 124 Roupa X Idade 125 Sapato e bolsa 126

    NO TRABALHO 129 Aparncia 129 Relacionamento profissional 134

    Para chefes 135 Para as secretrias 136 Assdio sexual 138

    Emprego novo 139 Lidando com o pblico 140

    Aparncia 141

  • Conversas 141 Cortesia e bom humor 142 Suborno 142 Ao telefone 143

    Pedindo uma ligao 143 Durante o expediente 143

    VIAGENS 145 Marinheira de primeira viagem 146

    Escolha das roupas 146 Arrumando as malas 147 Fora do Brasil 148 Transportes 149 No avio 149 No trem 152 No nibus 153 No navio 155

    Hospedagem 156 Turismo ecolgico 159 Excurses 160 Camping 161 Gorjetas 162 Encomendas 163

    LIGAES PESSOAIS 165 Amizade 165

    Amigos at debaixo d'gua 166 Negcios parte 168

    Amor e sexo 169 Ser que vale tudo? 169 O primeiro encontro 170 Um novo amor 171

  • Namoro no carro 172 Paixo em pblico 172 Conhecendo a famlia 173 Cime 174 Na intimidade 175 Conversas com o namorado ou parceiro 175 A camisinha 176 Sem comentrios 176 Quem paga o motel 177 O dia seguinte 177 Casamento e convivncia 179 Separao 180

    CRIANAS 183 Dez mandamentos bsicos mesa 185

    EM LUGARES PBLICOS 187 Ruas e caladas 188

    Atravessando a rua 188 Portas 189 Pacotes e embrulhos 190 Guarda-chuva 191 Gritos e conversas 192 Lixo 192

    Na escada 192 No elevador 193 Na fila 194 Nas compras 196

  • Cinema, teatro, concerto e show 197 No cabeleireiro 199 No restaurante 200 Na igreja 202 Na praia ou no clube 202 No telefone pblico 203 Nos transportes 204

    nibus e metr 204 Txi 205

    No trnsito 207

    VISITAS 209 A doentes 209 A recm-nascidos 210 Psames 210 Missas, velrios e enterros 211

    HSPEDES 213 Para hspedes 213 Para quem hospeda 216

    DICAS GERAIS 218 Flores 218 Assistindo TV 219 Presentes 220 Fumar 221 Espirrar e tossir 222 Bocejar e espreguiar-se 222 Celebridades 223

  • li T I Q U li T A

    Apresentaes

    As situaes so as mais variadas: uma festa formal, uma reunio em casa de amigos, um coquetel na empresa, um encontro em um bar. Sempre aparecem aquelas dvidas sobre quem apresenta quem, quem deve ser apresentado pri-meiro, como apresentar. Dependendo da hora, do local, da idade das pessoas, possvel apresentar informalmente, dizendo apenas o primeiro nome de cada um e pronto. Mas, se para falar de regras, vamos li

  • A ordem respeito A palavra-chave precedncia, que nos diz

    quem vem antes de quem. Com algumas regras simples, resolvemos esse impasse sem sofrimento: Os mais jovens so apresentados aos mais velhos. 0 o homem apresentado mulher. a mulher solteira apresentada mulher casada.

    Conhecer essas trs regrinhas bsicas j facili-ta bastante a vida social. Entretanto, a etiqueta tra-dicional acrescenta mais algumas, entre as quais aquela que diz que as pessoas menos importantes so apresentadas s de maior destaque, o que pode parecer meio confuso, pois quem apresenta precisa saber muito da vida dos apresentados e escolher aquele que ela julga menos importante para apresentar primeiro. Por exemplo, um minis-tro deve ser apresentado a um presidente da rep-blica e nunca o contrrio. No cotidiano, no entan-to, isso muito antiptico. Alm do que, se h um ministro de Estado e um ministro do Supremo Tribunal Federal, quem tem a precedncia? A, hora de usar o bom senso, que, alis, a sua fer-ramenta mais preciosa em qualquer situao.

    m Hora e lugar Nas ocasies mais formais, as pessoas devem

    ser apresentadas com nome e sobrenome. claro que voc no faria isso na rua, no clube ou na praia. Tome apenas cuidado para nunca apresentar ningum como "meu marido", "minha mulher", "meu chefe", etc. As pessoas tm nomes e prefe-12

  • rem ser chamadas por eles. Tambm no se deve apresentar a mulher com o nome do marido. Por exemplo: a jovem Natlia Sanchez casada com Maurcio Antunes. O correto apresentar assim: "Esta a senhora Natlia Sanchez Antunes", e nunca "Esta a senhora Maurcio Antunes". Essa forma de apresentao era muito usada antiga-mente, mas hoje em dia inadmissvel! Afinal, onde fica a individualidade da dona Natlia?

    Quando voc for apresentar duas pessoas, lembre-se de dizer alguma coisa sobre um amigo comum, um hobby, um projeto. Jamais sobre uma namorada ou um ex-marido.

    Se voc pretende dar uma festa, lembre-se de quem so sempre os anfitries que fazem as apre-sentaes. A eles cabe ser claros a respeito de que esto apresentando. Aos convidados, cabe prestar ateno para depois no precisar fazer aquela desagradvel pergunta: "Como mesmo o seu nome?" Se voc est recebendo convidados em sua casa, acrescente informaes que possam ser inte-ressantes para os apresentados, aspectos que pro-piciem o incio de alguma conversa. Isso facilita a integrao entre as pessoas. Cuidado, no entanto, para no passar o currculo inteiro de cada um ou para cair no famoso ex. Ningum ex nada, nem de ningum. Se voc deseja mencionar a ocupao do apresentado, informe-se sobre a atual. Se deseja informar sobre o estado civil, evite dizer que fulana a ex de sicrano. deselegante e sempre um risco de constrangimentos desnecessrios.

    No Brasil, no se usam mais as expresses "Muito prazer", "Igualmente", "Da mesma forma". Hoje diz-se "Como vai?" ou "Tudo bem?" Em situa-es em que no haja precedncias rigorosas ou

  • i; riQu i; r A

    hierarquia, o jeito mais fcil de apresentar duas pessoas identificar uma outra, pronunciando seus nomes claramente.

    Se num casal, um dos dois mais famoso do que o outro, no cometa a indelicadeza de apre-sentar ou s dar ateno ao famoso. Se um dos seus convidados, para a reuniozinha informal, chegar depois dos outros festa, leve o recm-chegado at as rodas de pessoas e apresente-o, falando seu nome e acrescentando alguma infor-mao curta sobre ele. No necessrio apresen-tar uma por uma das pessoas. Basta dizer seus nomes rapidamente, fazendo um gesto em sua direo.

    Se voc uma pessoa tmida, muito difcil a auto-apresentao. E nenhuma delas se esquece do quanto sofria nos primeiros dias de aula, quando tinha que falar de si mesma para a classe inteira? Pois . Mas a auto-apresentao s vezes neces-14

    Auto-apresentaao

  • sria. Poi" exemplo, voc vai passar mais de doze horas viajando ao lado de algum que quer puxar assunto e, por incrvel que parea, tem uma con-versa gostosa (se for um chato, fuja, finja dormir ou que no ouve bem. No mea esforos para viajar em paz!). Naturalmente, chega um momento da conversa em que preciso se apresentar, dizer seu nome pelo menos. Pois faa isso tambm deste modo: o mais naturalmente possvel, como se a auto-apresentao fizesse parte da conversa.

    Se algum apresentado a outra pessoa que tem certeza de que j conhece, e ela no o est reconhecendo, nada de dizer aquela frase horrvel "Voc no se lembra de mim?" Para reavivar a memr

Search related