of 169 /169
CNPJ: 62823257/0001-09 239 Página nº 1 Nome da Instituição Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza CNPJ 62823257/0001-09 Data 20-08-2013 Plano de curso atualizado de acordo com a matriz curricular homologada para o 1° semestre de 2018 Número do Plano 239 Eixo Tecnológico CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS Plano de Curso para 01. Habilitação MÓDULO I + II + III + IV Habilitação Profissional de TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA Carga Horária 1600 horas Estágio 0000 horas TCC 120 horas 02. Qualificação MÓDULO I + II + III Qualificação Profissional Técnica de Nível Médio de AUXILIAR TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA Carga Horária 1200 horas Estágio 000 horas

MÓDULO I + II + III + ELETROTÉCNICA MÓDULO I + II + III ... em Eletrotecnica.pdf · TCC 120 horas 02. Qualificação MÓDULO I + II + III Qualificação Profissional Técnica de

Embed Size (px)

Text of MÓDULO I + II + III + ELETROTÉCNICA MÓDULO I + II + III ... em Eletrotecnica.pdf · TCC 120...

  • CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 1

    Nome da Instituio Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula

    Souza

    CNPJ 62823257/0001-09

    Data 20-08-2013

    Plano de curso atualizado de acordo com a matriz

    curricular homologada para o 1 semestre de 2018

    Nmero do Plano 239

    Eixo Tecnolgico CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS

    Plano de Curso para

    01. Habilitao

    MDULO I + II + III +

    IV

    Habilitao Profissional de TCNICO EM

    ELETROTCNICA

    Carga Horria 1600 horas

    Estgio 0000 horas

    TCC

    120 horas

    02. Qualificao

    MDULO I + II + III

    Qualificao Profissional Tcnica de Nvel Mdio de

    AUXILIAR TCNICO EM ELETROTCNICA

    Carga Horria 1200 horas

    Estgio 000 horas

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 2

    Presidente do Conselho Deliberativo

    Laura M. J. Lagan

    Diretor Superintendente

    Laura M. J. Lagan

    Vice-diretor Superintendente

    Csar Silva

    Chefe de Gabinete

    Luiz Carlos Quadrelli

    Coordenador do Ensino Mdio e Tcnico

    Almrio Melquades de Arajo

    Equipe Tcnica

    Coordenao:

    Almrio Melquades de Arajo

    Mestre em Educao

    Coordenador do Ensino Mdio e Tcnico

    Organizao:

    Fernanda Mello Demai

    Doutora e Mestra em Terminologia

    Diretora de Departamento

    Grupo de Formulao e Anlises Curriculares

    Jos Antonio Castro Bartelega

    Coordenador de Projetos do Eixo Tecnolgico de Controle e Processos Industriais

    Grupo de Formulao e Anlises Curriculares

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 3

    Colaborao

    Adriano Paulo Sasaki

    Tecnlogo em Gesto de Recursos Humanos

    Responsvel pelo Catlogo de Requisitos de Titulao para Docncia

    Ceeteps

    Alberto Bonifcio da Costa

    Eletricista

    Etec Aristteles Ferreira (Santos)

    Andra Marquezini

    Bacharel em Administrao

    MBA em Gesto de Projetos

    Responsvel pela Padronizao de Laboratrios e Equipamentos

    Ceeteps

    Dayse Victoria da Silva Assumpo

    Bacharel em Letras

    Licenciada em Letras Portugus e Ingls

    Ps-Graduada em Lngua Portuguesa: Redao e Oratria

    Coordenadora de Projetos Reviso e Gesto Documental

    Etec Prof. Horcio Augusto da Silveira

    Elaine Cristina Cendretti

    Licenciada em Matemtica, Fsica e Mecnica

    Tecnloga em Projetos Mecnicos

    Especialista em Administrao Escolar, Superviso e Orientao

    Coordenadora de Projetos Reviso e Gesto Documental

    Etec Prof. Jos SantAna de Castro

    Joyce Maria de Sylva Tavares Bartelega

    Licenciada em Engenharia Eltrica

    Especialista em Engenharia de Segurana do Trabalho

    Especialista em Gesto Ambiental

    Mestra em Fsica

    Coordenadora de Projetos Segurana do Trabalho

    Etec Alfredo de Barros Santos

    Luciano Carvalho Cardoso

    Licenciado em Filosofia

    Mestre em Lgica

    Coordenador de Projetos da rea de Empreendedorismo

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 4

    Etec Parque da Juventude

    Mrio Eusbio Ferreira

    Engenheiro Eletricista

    Etec Aristteles Ferreira (Santos)

    Mario Kenji Tamura

    Eletricista

    Etec Philadelpho Gouvea Netto (So Jos do Rio Preto)

    Marcio Prata

    Tecnlogo em Informtica para a Gesto de Negcios

    Assistente Tcnico Administrativo I

    Ceeteps

    Sami Eduardo Jos Schinasi

    Tecnlogo em Sistemas Eltricos/ Eletricista

    Etec Guaianazes (So Paulo)

    Sergio Luiz Alves Jnior

    Tecnlogo em Gesto de Recursos Humanos

    Assistente Tcnico

    Ceeteps

    Srgio Yoshiharu Hitomi

    Tecnlogo em Processamento de Dados

    Coordenador de Projetos da rea de Empreendedorismo

    Etec Parque da Juventude

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 5

    SUMRIO

    CAPTULO 1

    Justificativa e Objetivos 06

    CAPTULO 2

    Requisitos de Acesso 12

    CAPTULO 3

    Perfil Profissional de Concluso 13

    CAPTULO 4

    Organizao Curricular 27

    CAPTULO 5

    Critrios de Aproveitamento de Conhecimentos e Experincias Anteriores

    106

    CAPTULO 6

    Critrios de Avaliao da Aprendizagem 107

    CAPTULO 7

    Instalaes e Equipamentos 109

    CAPTULO 8

    Pessoal Docente e Tcnico 116

    CAPTULO 9

    Certificado e Diploma 152

    PARECER TCNICO DO ESPECIALISTA 153

    PORTARIA DO COORDENADOR, DESIGNANDO COMISSO DE SUPERVISORES

    160

    APROVAO DO PLANO DE CURSO 161

    PORTARIAS CETEC, APROVANDO O PLANO DE CURSO 162

    ANEXO I

    Matrizes Curriculares anteriores 164

    ANEXO II

    Matrizes Curriculares atualizadas 168

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 6

    CAPTULO 1 JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS

    1.1. Justificativa

    A indstria eltrica e eletrnica ocupa lugar proeminente na malha produtiva nacional.

    Trata-se de um setor que irradia o avano tecnolgico, o que acarreta intenso efeito

    multiplicador sobre o conjunto da economia. Mais que isso: o setor a base para uma

    verdadeira revoluo tecnolgica, com mudana radical nos processos de produo e com

    o desenvolvimento de novos produtos. A qualidade e a magnitude da oferta de produtos

    eltricos e eletrnicos acabam condicionando as operaes e a eficincia de outros

    segmentos da economia.

    Um estudo feito pela ABINEE, no ano de 2009, teve por objetivo formular proposies de

    polticas que permitam a construo de uma nova trajetria para a indstria eltrica e

    eletrnica brasileira. Pretendendo-se assim alcanar, em 2020, uma estrutura renovada

    capaz de proporcionar ao setor, ao conjunto da indstria e da economia brasileiras uma

    dinmica de excelncia internacional, fundada na obteno de resultados com alto valor

    agregado.

    O quadro a seguir mostra a viso norteadora do desenvolvimento do setor eltrico e

    eletrnico.

    Ainda com referncia s tendncias, a FIRJAN Federao das Indstrias do Estado do

    Rio de Janeiro elaborou, em 2012, uma pesquisa com 402 empresas brasileiras que

    empregam 2,2 milhes de empregados de 26 grupos da CNAE-2.0/IBGE, representando

    as indstrias extrativas, de transformao e da construo civil: para identificar as

    Perspectivas Estruturais do Mercado de Trabalho na Indstria Brasileira - 2020.

    Desta pesquisa destacam-se duas importantes concluses; a primeira de que dentre 246

    profisses especficas, com base no Cdigo de Ocupao Profissional do Ministrio do

    Trabalho e Emprego, o Tcnico em Eletricidade est entre as nove profisses que

    apresentam as melhores perspectivas de contratao at o ano de 2020.

    Na pesquisa foram obtidas propores de aumento, estabilidade ou queda por rea

    profissional ou profisso especfica. Estas propores foram transformadas em um ndice

    de Perspectivas Profissionais IPP (variando de -1 at 1), conforme mostra a tabela

    apresentada.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 7

    Profisses IPP

    Supervisores de Produo em Indstrias de Transformao de

    Plsticos

    0,85

    Engenheiros de Petrleo 0,83

    Tcnicos em Sistemas de Informao 0,78

    Trabalhadores de tratamento de superfcies de metais 0,75

    Engenheiros de mobilidade 0,73

    Tcnicos em Mecatrnica 0,72

    Biotecnologistas 0,71

    Engenheiros Ambientais e Sanitrios 0,71

    Desenhistas, Tcnicos em Eletricidade, Eletrnica e

    Eletromecnica

    0,70

    VISO

    Alcanar uma indstria que, em 2020, ser mais autnoma tecnologicamente o

    que inclui, sobretudo, mas no exclusivamente, o domnio da tecnologia de convergncia

    digital.

    Consolidar o Brasil como um competidor efetivo no mercado externo, o que estar,

    em parte, relacionado internalizao de uma indstria de componentes adequada, em

    dimenso e em composio setorial, a prover competitividade global indstria brasileira.

    Em termos quantitativos, a meta alavancar o faturamento das empresas instaladas

    no Brasil para que ele alcance 7% do PIB em 2020.

    A pesquisa tambm detectou que, para as profisses especficas, as exigncias em termos

    de formao dos profissionais sero altas.

    Para os trabalhadores de nvel bsico, ser muito difcil empregar-se sem uma qualificao

    profissional.

    A tabela abaixo mostra as exigncias de formao em funo da posio ocupada, nas

    reas de produo.

    Ensino

    Mdio

    Curso

    Tcnico

    Curso

    Superior

    Ps-

    Graduao

    Doutorado/

    Mestrado

    Diretoria 0.0% 2,4% 20,2% 48,0% 29,4%

    Gerncia 0.0% 7,0% 30,0% 42,1% 20,8%

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 8

    Outros

    cargos

    13,7% 37,7% 25,9% 22,1% 0,6%

    Quanto ao mercado, segundo a Abinee, para a rea eltrica, a perspectiva de forte

    crescimento. O aumento da demanda interna deste setor deve ser intensificado pelo

    crescimento da indstria domstica e pelos planos de investimentos do governo,

    principalmente nas reas de energia eltrica e construo civil, alm dos investimentos nas

    atividades petrolferas previstos para os prximos anos.

    Pelo tamanho e, especialmente, pela intensidade do desenvolvimento tecnolgico, a

    indstria eltrica e eletrnica domstica possui efeito multiplicador em diversos outros

    segmentos da economia: as plantas industriais em geral dependem de equipamentos

    (como motores), materiais eltricos de instalao e sistemas de automao, e todas as

    empresas de bens e servios demandam equipamentos de telecomunicaes e de

    informtica.

    Mais que isso: o pas todo depende de equipamentos de gerao, transmisso e

    distribuio de energia eltrica. Portanto, a qualidade e a magnitude da oferta de produtos

    eltricos e eletrnicos acabam condicionando as operaes e a eficincia de outros

    segmentos da economia e, por isso, a referida indstria estratgica para o

    desenvolvimento nacional.

    Como no segmento eltrico, a indstria local j dispe de razovel competitividade global;

    no prximo perodo, o Brasil apresentar condies de se consolidar como um importante

    player no mercado internacional. Com essa perspectiva de expanso na indstria eltrica-

    eletrnica, o mercado de trabalho exige profissionais que conheam os fundamentos de

    cada uma destas tecnologias e possam trabalhar com elas integradamente.

    O papel do Brasil nas estratgias globais dos grandes players pode ser melhorado por meio

    da maior capacitao dos recursos humanos, da melhoria das condies logsticas e de

    telecomunicaes, de incentivos fiscais e outros fatores polticos e institucionais que

    reforcem alianas estratgicas com empresas locais.

    Em todos os segmentos industriais, setores de servios e escritrios h a necessidade de

    energia eltrica disponvel. Neste sentido, o Tcnico em Eletrotcnica fundamental, no

    s para garantir a disponibilidade de energia eltrica, mas tambm atuar em novos projetos,

    novas instalaes e desenvolvimento de melhorias tecnolgicas nos sistemas eltricos.

    Alm disso, com a sofisticao tecnolgica dos equipamentos eletroeletrnicos, crescente

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 9

    a necessidade desses tcnicos para a realizao de manuteno, instalao e configurao

    desses aparelhos.

    Assim, conclumos que o ensino tcnico parte integrante da aprendizagem ao longo de

    toda a vida, e tem um papel decisivo a desempenhar nos prximos anos, porque ele

    constitui um instrumento eficaz para realizar os objetivos de uma cultura de

    desenvolvimento sustentvel do ambiente, da coeso social e da cidadania.

    necessria uma nova abordagem holstica, de maneira que a educao para o sculo

    XXI abranja todos os domnios da aprendizagem, incluindo a formao geral e profissional,

    permitindo, assim, ao formando, adquirir constantemente, ao longo de toda a vida,

    conhecimentos, valores e atitudes, competncias e qualificaes.

    Bibliografia:

    A Indstria Eltrica e Eletrnica em 2020: Uma Estratgia de Desenvolvimento

    Estudo ABINEE, elaborado pela equipe da LCA Consultores, apresentado no Frum

    ABINEE TEC 2009 Associao Brasileira da Indstria Eltrica e Eletrnica

    ABINEE.

    Perspectivas Estruturais do Mercado de Trabalho na Indstria Brasileira - 2020

    FIRJAN 2012

    1.2. Objetivos

    O curso de TCNICO EM ELETROTCNICA tem como objetivo capacitar o profissional

    para planejar, executar e avaliar servios de instalao, operao e manuteno de

    sistemas eltricos, compondo equipes de trabalho, aplicando normas e padres tcnicos

    nacionais e internacionais, utilizando instrumentos, ferramentas e recursos de informtica,

    dentro dos princpios de qualidade, produtividade e de preservao ambiental, podendo,

    quando for o caso, prestar assistncia tcnica. preparado tambm para realizar testes,

    ensaios e reparos em sistemas eltricos convencionais, microprocessados ou

    microcontrolados, de mquinas e equipamentos, em transformadores, motores,

    componentes eltricos, circuitos eletropneumticos e em instalaes eltricas, utilizando

    instrumentos apropriados, empregando tcnicas de segurana e procedimentos

    normalizados e preenchendo relatrios tcnicos. capacitado tambm para elaborar

    leiautes, diagramas, esquemas eltricos, utilizando-se de recursos de informtica, de

    acordo com normas tcnicas, princpios cientficos e tecnolgicos, aplicando tcnicas de

    projeto e de desenho. Planejar manuteno preventiva e corretiva, removendo, calibrando

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 10

    e reparando equipamentos e eltricos, tendo como referncia o plano de manuteno da

    empresa, realizando diagnsticos e utilizando tcnicas de deteco de falhas, normas e

    procedimentos de segurana.

    1.3. Organizao do Curso

    A necessidade e pertinncia da elaborao de currculo adequado s demandas do

    mercado de trabalho, formao profissional do aluno e aos princpios contidos na LDB e

    demais legislaes pertinentes, levou o Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula

    Souza, sob a coordenao do Prof. Almrio Melquades de Arajo, Coordenador de Ensino

    Mdio e Tcnico, a instituir o Laboratrio de Currculo com a finalidade de atualizar os

    Planos de Curso das Habilitaes Profissionais oferecidas por esta instituio.

    No Laboratrio de Currculo foram reunidos profissionais da rea, docentes, especialistas,

    superviso educacional para estudo do material produzido pela CBO Classificao

    Brasileira de Ocupaes e para anlise das necessidades do prprio mercado de

    trabalho, assim como o Catlogo Nacional de Cursos Tcnicos. Uma sequncia de

    encontros de trabalho previamente planejados possibilitou uma reflexo maior e produziu a

    construo de um currculo mais afinado com esse mercado.

    O Laboratrio de Currculo possibilitou, tambm, a construo de uma metodologia

    adequada para o desenvolvimento dos processos de ensino aprendizagem e sistema de

    avaliao que pretendem garantir a construo das competncias propostas nos Planos de

    Curso.

    Fontes de Consulta

    1. BRASIL Ministrio da Educao. Catlogo Nacional dos Cursos Tcnicos.

    Braslia: MEC: 2012. Eixo Tecnolgico: Controle e Processos

    Industriais (site: http://www.mec.gov.br/)

    2. BRASIL Ministrio do Trabalho e do Emprego Classificao Brasileira de

    Ocupaes CBO 2002 Sntese das ocupaes profissionais (site:

    http://www.mtecbo.gov.br/)

    Ttulos

    3131 Tcnicos em Eletricidade e Eletrotcnica

    3131-05 Eletrotcnico - Auxiliar de eletrotcnico, Tcnico de ensaios

    eltricos, Tcnico de operao eletrotcnica.

    http://www.mec.gov.br/http://www.mtecbo.gov.br/

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 11

    3131-10 Eletrotcnico (produo de energia) - Projetista eltrico,

    Tcnico de comandos e controle, Tcnico de projeto (eletrotcnico).

    3131-15 Eletrotcnico na fabricao, montagem e instalao de

    mquinas e equipamentos - Encarregado de manuteno, Encarregado

    de montagem, Supervisor de manuteno de mquinas e equipamentos,

    Supervisor de montagem.

    3131-20 Tcnico de manuteno eltrica - Tcnico de manuteno

    industrial.

    3131-25 Tcnico de manuteno eltrica de mquina - Tcnico em

    ferramentas eltricas.

    3131-30 Tcnico eletricista - Tcnico de eletricidade, Tcnico de

    equipamentos eltricos, Tcnico de projetos eltricos 9511 Eletricistas

    de manuteno eletroeletrnica.

    9511-05 Eletricista de manuteno eletroeletrnica

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 12

    CAPTULO 2 REQUISITOS DE ACESSO

    O ingresso ao Curso de TCNICO EM ELETROTCNICA dar-se- por meio de processo

    classificatrio para alunos que tenham concludo, no mnimo, a primeira srie e estejam

    matriculados na segunda srie do Ensino Mdio ou equivalente.

    O processo classificatrio ser divulgado por edital publicado na Imprensa Oficial, com

    indicao dos requisitos, condies e sistemtica do processo e nmero de vagas

    oferecidas.

    As competncias e habilidades exigidas sero aquelas previstas para a primeira srie do

    Ensino Mdio, nas quatro reas do conhecimento:

    Linguagens;

    Cincias da Natureza;

    Cincias Humanas;

    Matemtica.

    Por razes de ordem didtica e/ ou administrativa que justifiquem, podero ser utilizados

    procedimentos diversificados para ingresso, sendo os candidatos deles notificados por

    ocasio de suas inscries.

    O acesso aos demais mdulos ocorrer por avaliao de competncias adquiridas no

    trabalho, por aproveitamento de estudos realizados ou por reclassificao.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 13

    CAPTULO 3 PERFIL PROFISSIONAL DE CONCLUSO

    MDULO IV Habilitao Profissional de TCNICO EM ELETROTCNICA

    O TCNICO EM ELETROTCNICA o profissional que instala, opera e mantm elementos

    de gerao, transmisso e distribuio de energia eltrica. Participa na elaborao e no

    desenvolvimento de projetos de instalaes eltricas e de infraestrutura para sistemas de

    telecomunicaes em edificaes. Atua no planejamento e execuo da instalao e

    manuteno de equipamentos e instalaes eltricas. Aplica medidas para o uso eficiente

    da energia eltrica e de fontes energticas alternativas. Participa no projeto e instala

    sistemas de acionamentos eltricos. Executa a instalao e manuteno de iluminao e

    sinalizao de segurana.

    MERCADO DE TRABALHO

    Concessionrias de energia eltrica. Prestadoras de servio. Indstrias em geral,

    nas atividades de manuteno e automao. Indstrias de fabricao de mquinas,

    componentes e equipamentos eltricos.

    COMPETNCIAS GERAIS

    Ao concluir o curso de TCNICO EM ELETROTCNICA, o aluno dever ter construdo as

    seguintes competncias:

    Coordenar e desenvolver equipes de trabalho que atuam na instalao, na produo e

    na manuteno, aplicando mtodos e tcnicas de gesto administrativa e de pessoas;

    Interpretar normas tcnicas de sade e segurana no trabalho e de controle de

    qualidade no processo industrial;

    Interpretar normas tcnicas e especificaes de catlogos, manuais e tabelas em

    projetos, em processos de fabricao, na instalao de mquinas e de equipamentos e

    na manuteno industrial;

    Elaborar planilha de custos de fabricao e de manuteno de mquinas e

    equipamentos, considerando a relao custo e benefcio;

    Aplicar mtodos, processos e logstica na produo, instalao e manuteno;

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 14

    Projetar produto, ferramentas, mquinas e equipamentos, utilizando tcnicas de

    desenho e de representao grfica com seus fundamentos matemticos e

    geomtricos;

    Elaborar projetos, leiautes, diagramas e esquemas, correlacionando-os com as normas

    tcnicas e com os princpios cientficos e tecnolgicos;

    Analisar tcnicas de medio e ensaios, visando melhoria da qualidade de produtos e

    servios da planta industrial;

    Avaliar as caractersticas e propriedades dos materiais, insumos e elementos de

    mquinas, correlacionando-as com seus fundamentos matemticos, fsicos e qumicos

    para a aplicao nos processos de controle de qualidade;

    Desenvolver projetos de manuteno de instalaes e de sistemas industriais,

    caracterizando e determinando aplicaes de materiais, acessrios, dispositivos,

    instrumentos, equipamentos e mquinas;

    Projetar melhorias nos sistemas convencionais de produo, instalao e manuteno,

    propondo incorporao de novas tecnologias;

    Identificar os elementos de converso, transformao, transporte e distribuio de

    energia, aplicando-os nos trabalhos de implantao e manuteno do processo

    produtivo;

    Coordenar atividades de utilizao e conservao de energia, propondo a

    racionalizao de uso e de fontes alternativas.

    ATRIBUIES/ RESPONSABILIDADES

    Conduzir a execuo tcnica dos trabalhos de sua especialidade;

    Prestar assistncia tcnica no estudo e desenvolvimento de projetos e pesquisas

    tecnolgicas;

    Orientar e coordenar a execuo dos servios de manuteno de equipamentos e

    instalaes;

    Dar assistncia tcnica na compra venda e utilizao de produtos e equipamentos

    especializados;

    Responsabilizar-se pela elaborao e execuo de projetos compatveis com a

    respectiva formao profissional.

    As atribuies dos Tcnicos em Eletrotcnica, para efeito do exerccio profissional e de

    sua fiscalizao, respeitados os limites de sua formao, consistem em:

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 15

    Executar e conduzir a execuo tcnica de trabalhos profissionais, bem como orientar

    e coordenar equipes de execuo de instalaes, montagens, operao, reparos ou

    manuteno;

    Prestar assistncia tcnica e assessoria no estudo de viabilidade e desenvolvimento

    de projetos e pesquisas tecnolgicas, ou nos trabalhos de vistoria, percia, avaliao,

    arbitramento e consultoria, exercendo, dentre outras, as seguintes atividades:

    1. coletar dados de natureza tcnica;

    2. executar desenho de detalhes e da representao grfica de clculos;

    3. elaborar oramento de materiais e equipamentos, instalaes e mo-de-obra;

    4. detalhar programas de trabalho, observando normas tcnicas e de segurana;

    5. aplicar normas tcnicas concernentes aos respectivos processos de trabalho;

    6. executar ensaios de rotina, registrando observaes relativas ao controle de

    qualidade dos materiais, peas e conjuntos;

    7. regular mquinas, aparelhos e instrumentos tcnicos.

    Executar, fiscalizar, orientar e coordenar diretamente servios de manuteno e reparo

    de equipamentos, instalaes e arquivos tcnicos especficos, bem como conduzir e

    treinar as respectivas equipes;

    Dar assistncia tcnica na compra venda e utilizao de equipamentos e materiais

    especializados, assessorando, padronizando, mensurando e orando;

    Responsabilizar-se pela elaborao e execuo de projetos compatveis com a

    respectiva formao profissional:

    1. Os Tcnicos em Eletrotcnica podero projetar e conduzir a execuo de instalaes

    eltricas com demanda de at 800 kVA, nas tenses de distribuio primria e

    secundria para unidades consumidoras residenciais, comerciais e industriais, bem

    como exercer atividade de desenhista de sua especialidade.

    2. Os Tcnicos em Eletrotcnica esto habilitados a exercer as atividades de projeto,

    instalao e manuteno de SPDA, ficando excludas de sua habilitao as atividades

    de laudo, percia e parecer, conforme Deciso Normativa 070/2001 do Confea.

    3. Os Tcnicos em Eletrotcnica esto habilitados a ministrar os contedos relativos

    eletricidade no treinamento previsto pela NR-10, no curso correspondente ao Curso

    Bsico, sem restries. No Curso Complementar tem habilitao para ministrar o

    treinamento NR-10, quando dirigido a instalaes eltricas em unidades consumidoras.

    No Sistema Eltrico de potncia, poder participar como instrutor do treinamento NR-10

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 16

    na condio de integrante de uma equipe sob a responsabilidade de um Engenheiro

    Eletricista. O Tcnico em Eletrotcnica no tem habilitao nas reas de Segurana do

    Trabalho e de Medicina do Trabalho e, portanto, eles no podero participar como

    instrutores do treinamento NR-10 nos tpicos que abordam assuntos relacionados com

    estas reas do conhecimento.

    Alm das atribuies mencionadas nesta Norma, fica assegurado aos Tcnicos em

    Eletrotcnica, o exerccio de outras atribuies, desde que compatveis com a sua

    formao profissional.

    NOTA IMPORTANTE: Considerando a Resoluo do CONFEA n 1.025, que

    estabelece no artigo 2 que a ART o instrumento que define, para os efeitos legais,

    os responsveis tcnicos pela execuo de obras ou prestao de servios relativos s

    profisses abrangidas pelo Sistema Confea/Crea, somos do parecer que o Tcnico

    Industrial de Nvel Mdio, por no ter na sua formao profissional estudado com

    suficiente profundidade o assunto Redes de Distribuio, o mesmo no tem

    atribuio de responsabilizar-se por atividades de projeto ou execuo de servios

    nestes circuitos. Esta atividade de responsabilidade exclusiva de engenheiros

    eletricistas com atribuies segundo o artigo 8 da Resoluo n 218 de 29 de junho de

    1973 do CONFEA.

    FONTE: NORMA DE FISCALIZAO DA CMARA ESPECIALIZADA DE

    ENGENHARIA ELTRICA N 002, DE 26 DE AGOSTO DE 2011.

    REA DE ATIVIDADES

    A PLANEJAR ATIVIDADES DO TRABALHO NA REA ELTRICA

    Detalhar tarefas do planejamento

    Fixar metas do planejamento

    Definir recursos humanos e materiais

    Analisar viabilidade econmica e financeira de projetos

    Elaborar cronogramas do planejamento e das atividades

    Definir software apropriado para as atividades

    Supervisionar cronograma (follow up)

    Revisar o planejamento

    B ATUAR NA REA COMERCIAL

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 17

    Verificar necessidades do cliente

    Pesquisar novos mercados

    Identificar novos clientes

    Realizar vendas

    Propor alteraes e agregar valor aos produtos

    Realizar suporte tcnico

    Prospectar fornecedores

    Realizar compras

    Elaborar oramento

    C TREINAR PESSOAS NA REA ELTRICA

    Preparar treinamentos e palestras

    Elaborar material didtico-pedaggico

    Ministrar cursos, treinamentos e palestras

    Manter atualizados os contedos dos cursos

    Avaliar treinamento

    D ASSEGURAR A QUALIDADE DE PRODUTOS E SERVIOS

    Executar procedimentos de qualidade de produtos e servios

    Trabalhar de acordo com as normas tcnicas

    Realizar testes conforme procedimentos e normas

    Desempenhar suas funes de acordo com as ferramentas de qualidade

    Avaliar ndices de qualidade

    Trabalhar com indicadores da qualidade

    Elaborar relatrios

    Interagir com rgos normativos e de regulamentao

    Estabelecer prazo de garantia de servios

    Atender requisitos de proteo ambiental

    E ELABORAR ESTUDOS E PROJETOS

    Elaborar projetos de Eletrotcnica

    Aplicar normas tcnicas

    Analisar dificuldades para a execuo do projeto

    Executar esboos e desenhos

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 18

    Dimensionar circuitos eletroeletrnicos

    Inspecionar tecnologias adequadas ao projeto

    Dimensionar componentes do projeto

    Elaborar especificaes tcnicas do projeto

    Participar do desenvolvimento de produtos

    Fazer levantamento de custos

    Aplicar a relao custo-benefcio do projeto

    Prever falhas a partir de estatsticas

    Elaborar documentao tcnica do projeto

    Utilizar softwares especficos para elaborao de projetos

    F PARTICIPAR NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS

    Estabelecer procedimentos, normas e padres

    Determinar fluxograma do processo

    Determinar os meios (mquinas e equipamentos)

    Fixar parmetros do processo

    Realizar medies

    Realizar ensaios

    Aplicar tecnologias adequadas no processo

    Propor melhorias no processo

    Avaliar a relao custo-benefcio referente s alteraes

    Avaliar a capacidade do processo

    G REALIZAR PROJETOS

    Seguir especificaes do projeto

    Executar montagem do projeto

    Solucionar problemas

    Cumprir cronograma

    Realizar comissionamento

    Colocar em operao (startup)

    H OPERAR SISTEMAS ELTRICOS

    Seguir normas, instrues e procedimentos

    Supervisionar sistemas de gerao, transmisso e distribuio

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 19

    Supervisionar o funcionamento de equipamentos

    Elaborar o programa de manobra dos sistemas

    Manobrar equipamentos do sistema

    Coordenar o restabelecimento dos sistemas, em funo das ocorrncias

    Avaliar o desempenho de sistemas eltricos

    Fornecer informaes para a manuteno

    Atualizar a base cadastral

    I EXECUTAR MANUTENO

    Identificar necessidades de manuteno

    Seguir normas e instrues

    Definir prioridades

    Diagnosticar o desempenho dos equipamentos

    Realizar manuteno preventiva e corretiva

    Realizar manuteno preditiva

    Cumprir cronogramas de manuteno

    Realizar medies de grandezas eltricas

    Executar e interpretar resultados de ensaios

    Elaborar relatrios de manuteno

    Avaliar evoluo de custos da manuteno

    Propor melhorias

    J GERENCIAR PESSOAS

    Participar no recrutamento e desligamento de pessoas

    Formar equipes de trabalho

    Avaliar necessidades de treinamento pessoal

    Liderar equipe de trabalho

    Distribuir tarefas para a equipe de trabalho

    Supervisionar equipes de trabalho

    Analisar desempenho funcional

    Cumprir a legislao vigente

    K APLICAR SEGURANA NO TRABALHO

    Providenciar primeiros socorros

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 20

    Orientar quanto ao uso de equipamentos de proteo individual e coletivo

    Aplicar normas de segurana gerais e especfica da empresa

    Identificar riscos de acidentes

    Participar das atividades desenvolvidas pela CIPA

    Propor solues visando segurana

    Envolver a rea de segurana do trabalho em todas as atividades

    L DEMONSTRAR COMPETNCIAS PESSOAIS

    Trabalhar em equipe

    Demonstrar relacionamento interpessoal

    Buscar autoatendimento

    Motivar equipes

    Agir proativamente

    Demonstrar capacidade de discernimento

    Atuar com tica e transparncia

    Assumir responsabilidades

    Comunicar-se com clareza

    Demonstrar afinidade para trabalhar com informtica

    Executar instrues tcnicas em outro idioma

    Enfrentar situaes de emergncia

    Demonstrar criatividade

    PERFIS PROFISSIONAIS DAS QUALIFICAES

    MDULO I SEM CERTIFICAO TCNICA

    REA DE ATIVIDADES

    A IDENTIFICAR DEFEITOS EM APARELHOS ELETRONICOS

    Interpretar esquemas eltricos.

    Identificar componentes eletrnicos com defeito

    B EXECUTAR MONTAGEM DE CIRCUITOS ELETRNICOS

    Especificar componentes eletrnicos.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 21

    Elaborar circuitos eletrnicos

    Diagnosticar circuitos eletrnicos.

    C ASSEGURAR A QUALIDADE DE PRODUTOS E SERVIOS

    Interpretar normas.

    Trabalhar de acordo com as normas e procedimentos.

    Elaborar relatrios

    D ELABORAR ESTUDOS E PROJETOS

    Trabalhar de acordo com as normas tcnicas.

    Avaliar dificuldades para a execuo do projeto.

    Executar esboos e desenhos.

    Dimensionar circuitos eletroeletrnicos.

    Utilizar softwares especficos para elaborao de projetos

    E REALIZAR PROJETOS

    Seguir especificaes do projeto.

    Executar montagem do projeto.

    F REALIZAR PROCEDIMENTOS EM SISTEMAS ELTRICOS

    Executar montagem do projeto.

    G ORGANIZAR O LOCAL DE TRABALHO

    Desligar aparelhos e instrumentos.

    Organizar ferramentas e instrumentos.

    Limpar a rea de trabalho utilizando material adequado.

    Proteger equipamentos dos resduos

    H FORMULAR DOCUMENTOS

    Explicar procedimentos de trabalho.

    I DESENVOLVER COMPETNCIAS PESSOAIS

    Operar aplicativos de informtica padronizados.

    Seguir normas tcnicas vigentes.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 22

    Trabalhar em equipe.

    Demonstrar relacionamento interpessoal.

    Demonstrar afinidade para trabalhar com informtica

    MDULO II - SEM CERTIFICAO TCNICA

    REA DE ATIVIDADES

    A DESENVOLVER ATIVIDADES DO TRABALHO

    Analisar viabilidade econmica e financeira de projeto.

    Elaborar cronogramas do planejamento e das atividades.

    Supervisionar cronograma (follow-up).

    B DESENVOLVER MANUTENO DE APARELHOS ELETRNICOS

    Substituir componentes danificados.

    Fazer calibrao de aparelhos eletrnicos.

    Testar aparelhos eletrnicos com instrumentos de preciso

    C REALIZAR INSTALAO DE EQUIPAMENTOS E/OU APARELHOS

    ELETRNICOS

    Inspecionar equipamentos e/ ou aparelhos visualmente.

    Calibrar os equipamentos e/ ou aparelhos eletrnicos

    D ESTABELECER RELAES NA REA COMERCIAL

    Identificar necessidades do cliente.

    Realizar compras.

    Elaborar oramento

    E DESENVOLVER MODELO DE QUALIDADE DE PRODUTOS E SERVIOS

    Realizar testes conforme procedimentos e normas

    F REALIZAR MANUTENO CORRETIVA DOS EQUIPAMENTOS

    Corrigir o defeito e/ ou problema apresentado no equipamento.

    Testar o equipamento.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 23

    G ELABORAR ESTUDOS E PROJETOS

    Determinar escopo do projeto.

    Dimensionar componentes do projeto.

    Elaborar especificaes tcnicas do projeto.

    Fazer levantamento de custos.

    Avaliar a relao custo-benefcio do projeto.

    H REALIZAR MANUTENES PREVENTIVA E CORRETIVA DOS EQUIPAMENTOS

    Trocar peas conforme vida til preestabelecida.

    Conferir os ajustes conforme o padro.

    Testar o funcionamento do equipamento.

    I REALIZAR OPERAES DE SISTEMAS ELTRICOS

    Manobrar equipamentos do sistema.

    J REALIZAR MANUTENO

    Seguir normas e instrues.

    K COMUNICAR-SE NA REA PROFISSIONAL

    Comunicar-se na rea profissional utilizando terminologia tcnica em ingls e

    portugus.

    Demonstrar capacidade de discernimento.

    Interpretar instrues tcnicas em outro idioma.

    Demonstrar criatividade

    MDULO III Qualificao Profissional Tcnica de Nvel Mdio em AUXILIAR

    TCNICO EM ELETROTCNICA

    O AUXILIAR TCNICO EM ELETROTCNICA o profissional que atua na rea industrial

    e de servios, executando instalaes e reparos em sistemas eltricos de baixa tenso.

    Auxilia na elaborao de projetos eltricos residenciais, prediais e industriais. Aplica normas

    de segurana gerais e especficas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 24

    ATRIBUIES/ RESPONSABILIDADES

    Identificar e medir grandezas eltricas.

    Auxiliar nos processos produtivos.

    Identificar materiais e suas caractersticas.

    Interpretar desenhos e representaes grficas.

    Interpretar catlogos, manuais e tabelas.

    Avaliar circuitos digitais combinacionais.

    Especificar caractersticas e propriedades de materiais e dispositivos eletroeletrnicos.

    Montar e testar circuitos eletroeletrnicos.

    Realizar montagens de circuitos eltricos.

    Auxiliar na elaborao de projetos de instalaes eltricas.

    Especificar e dimensionar dispositivos de comando, sinalizao e proteo de circuitos

    eltricos.

    Conferir o funcionamento de motores eltricos.

    Inspecionar projetos de luminotcnica.

    Utilizar software de representao grfica para projetar circuitos eltricos.

    REA DE ATIVIDADES

    A DESENVOLVER ATIVIDADES DO TRABALHO

    Detalhar tarefas do planejamento.

    Definir software apropriado s atividades de eletricidade.

    B ESTABELECER RELAES NA REA COMERCIAL

    Desenvolver clientes.

    Realizar vendas.

    Desenvolver fornecedores

    C ASSEGURAR A QUALIDADE DE PRODUTOS E SERVIOS

    Elaborar procedimentos.

    Interagir com rgos normativos e de regulamentao

    D ELABORAR ESTUDOS E PROJETOS

    Coletar dados para o projeto.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 25

    Elaborar documentao tcnica do projeto.

    E PARTICIPAR DO DESENVOLVIMENTO DE PROCESSO

    Estabelecer procedimentos, normas e padres.

    Determinar fluxograma do processo.

    Fixar parmetros do processo.

    Realizar medies.

    F REALIZAR PROJETOS

    Solucionar problemas de execuo do projeto.

    Cumprir cronograma de montagem do projeto.

    G REALIZAR OPERAES DE SISTEMAS ELTRICOS

    Supervisionar o funcionamento dos equipamentos.

    Fornecer informaes para a manuteno.

    Atualizar a base cadastral.

    H REALIZAR MANUTENO

    Diagnosticar o desempenho dos equipamentos.

    Realizar medies de grandezas eltricas.

    Executar e interpretar resultados de ensaios.

    Analisar resultados de ensaios.

    Encaminhar equipamento para manuteno.

    I APLICAR SEGURANA NO TRABALHO

    Providenciar primeiros socorros.

    Orientar quanto ao uso dos equipamentos de proteo individual e coletivo.

    Aplicar normas de segurana gerais e especficas da empresa.

    Identificar riscos de acidentes.

    J DESENVOLVER COMPETNCIAS PESSOAIS

    Buscar autodesenvolvimento.

    Agir proativamente.

    Assumir responsabilidades.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 26

    Comunicar-se com clareza

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 27

    CAPTULO 4 ORGANIZAO CURRICULAR

    4.1. Estrutura Curricular

    O currculo foi organizado de modo a garantir o que determina a Lei Federal n. 9394, de

    20-12-1996; Resoluo CNE/CEB n. 1, de 5-12-2014; Resoluo CNE/CEB n. 6, de 20-

    9-2012; Resoluo SE n. 78, de 7-11-2008; Decreto Federal n. 5154, de 23-7-2004, assim

    como as competncias profissionais que foram identificadas pelo Ceeteps, com a

    participao da comunidade escolar e industrial.

    A Educao Profissional Tcnica de Nvel Mdio possibilita a avaliao, o reconhecimento

    e a certificao para prosseguimento ou concluso de estudos.

    O curso e programa de Educao Profissional Tcnica de Nvel Mdio organizado nos

    eixos tecnolgicos, possibilitando itinerrios formativos flexveis, diversificados e

    atualizados.

    Entende-se por itinerrio formativo o conjunto das etapas que compem a organizao da

    oferta da Educao Profissional pela instituio de Educao Profissional e Tecnolgica,

    no mbito de um determinado eixo tecnolgico, possibilitando contnuo e articulado

    aproveitamento de estudos e de experincias profissionais devidamente certificadas por

    instituies educacionais legalizadas.

    O itinerrio formativo contempla a sequncia das possibilidades articulveis da oferta de

    cursos de Educao Profissional, programado a partir de estudos quanto aos itinerrios de

    profissionalizao no mundo do trabalho, estrutura socio-ocupacional e aos fundamentos

    cientfico-tecnolgicos dos processos produtivos de bens ou servios, o qual orienta e

    configura uma trajetria educacional consistente. As bases para o planejamento de cursos

    e programas de Educao Profissional, segundo itinerrios formativos, por parte das

    instituies de Educao Profissional e Tecnolgica so os Catlogos Nacionais de Cursos

    mantidos pelos rgos prprios do MEC e a Classificao Brasileira de Ocupaes (CBO).

    Referncia bibliogrfica: Resoluo CNE/CEB 6/2012. Dirio Oficial da Unio, Braslia,

    21 de setembro de 2012, Seo 1, p. 22.2.

    Estrutura Modular

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 28

    A organizao curricular da Habilitao Profissional de TCNICO EM ELETROTCNICA

    est organizada de acordo com o Eixo Tecnolgico de Controle e Processos Industriais e

    estruturada em mdulos articulados, com terminalidade correspondente s qualificaes

    profissionais tcnicas de nvel mdio identificadas no mercado de trabalho.

    Os mdulos so organizaes de conhecimentos e saberes provenientes de distintos

    campos disciplinares e, por meio de atividades formativas, integram a formao terica e a

    formao prtica em funo das capacidades profissionais que se propem desenvolver.

    Os mdulos, assim constitudos, representam importante instrumento de flexibilizao e

    abertura do currculo para o itinerrio profissional, pois que, adaptando-se s distintas

    realidades regionais, permitem a inovao permanente e mantm a unidade e a

    equivalncia dos processos formativos.

    4.2. Itinerrio Formativo

    O curso de TCNICO EM ELETROTCNICA composto por quatro mdulos.

    Os MDULOS I e II no oferecem terminalidade e sero destinados construo de um

    conjunto de competncias que subsidiaro o desenvolvimento de competncias mais

    complexas, previstas para o mdulo subsequente.

    O aluno que cursar os MDULOS I, II e III concluir a Qualificao Profissional Tcnica de

    Nvel Mdio de AUXILIAR TCNICO EM ELETROTCNICA.

    Ao completar os MDULOS I, II, III e IV, o aluno receber o Diploma de TCNICO EM

    ELETROTCNICA, desde que tenha concludo, tambm, o Ensino Mdio.

    SEM CERTIFICAO TCNICA

    Habilitao Profissional de

    TCNICO EM ELETROTCNICA

    MDULO I MDULO IV MDULO III

    Qualificao Profissional Tcnica de

    Nvel Mdio de AUXILIAR TCNICO EM

    ELETROTCNICA

    SEM CERTIFICAO TCNICA

    MDULO II

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 29

    4.3. Proposta de Carga Horria por Componente Curricular

    MDULO I SEM CERTIFICAO TCNICA

    Componentes

    Curriculares

    Carga Horria

    Horas-aula

    To

    tal em

    Ho

    ras

    To

    tal em

    Ho

    ras

    2,5

    Te

    rica

    Te

    rica

    2

    ,5

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal 2

    ,5

    To

    tal

    To

    tal 2

    ,5

    I.1 Eletricidade Bsica 40 50 60 50 100 100 80 80

    I.2 Circuitos Eltricos I 60 50 00 00 60 50 48 40

    I.3 Maquinas Eltricas I 00 00 60 50 60 50 48 40

    I.4 Eletrnica Digital I 00 00 60 50 60 50 48 40

    I.5 Instalaes Eltricas Residenciais 60 50 40 50 100 100 80 80

    I.6 Desenho Tcnico 00 00 40 50 40 50 32 40

    I.7 Aplicativos Informatizados 00 00 40 50 40 50 32 40

    I.8 Segurana no Trabalho e Meio Ambiente

    40 50 00 00 40 50 32 40

    Total 200 200 300 300 500 500 400 400

    MDULO II SEM CERTIFICAO TCNICA

    Componentes

    Curriculares

    Carga Horria

    Horas-aula T

    ota

    l em

    Ho

    ras

    To

    tal em

    Ho

    ras

    2,5

    Te

    rica

    Te

    rica

    2

    ,5

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal 2

    ,5

    To

    tal

    To

    tal 2

    ,5

    II.1 Circuitos Eltricos II 60 50 40 50 100 100 80 80

    II.2 Eletrnica I 00 00 60 50 60 50 48 40

    II.3 Mquinas Eltricas II 00 00 40 50 40 50 32 40

    II.4 Eletrnica Digital II 00 00 60 50 60 50 48 40

    II.5 Instalaes Eltricas Prediais 60 50 40 50 100 100 80 80

    II.6 Comandos Eltricos 00 00 60 50 60 50 48 40

    II.7 tica e Cidadania Organizacional 40 50 00 00 40 50 32 40

    II.8 Ingls Instrumental 40 50 00 00 40 50 32 40

    Total 200 200 300 300 500 500 400 400

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 30

    MDULO III Qualificao Profissional Tcnica de Nvel Mdio de AUXILIAR TCNICO EM ELETROTCNICA

    Componentes

    Curriculares

    Carga Horria

    Horas-aula

    To

    tal em

    Ho

    ras

    To

    tal em

    Ho

    ras

    2,5

    Te

    rica

    Te

    rica

    2

    ,5

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal 2

    ,5

    To

    tal

    To

    tal 2

    ,5

    III.1 Circuitos Eltricos III 40 50 60 50 100 100 80 80

    III.2 Eletrnica II 00 00 60 50 60 50 48 40

    III.3 Mquinas Eltricas III 00 00 60 50 60 50 48 40

    III.4 Controle e Automao I 40 50 60 50 100 100 80 80

    III.5 Instalaes Eltricas Industriais 40 50 60 50 100 100 80 80

    III.6 Linguagem, Trabalho e Tecnologia

    40 50 00 00 40 50 32 40

    III.7 Planejamento do Trabalho de Concluso de Curso (TCC) em Eletrotcnica

    40 50 00 00 40 50 32 40

    Total 200 250 300 250 500 500 400 400

    MDULO IV Habilitao Profissional de TCNICO EM ELETROTCNICA

    Componentes

    Curriculares

    Carga Horria

    Horas-aula

    To

    tal em

    Ho

    ras

    To

    tal em

    Ho

    ras

    2,5

    Te

    rica

    Te

    rica

    2

    ,5

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal

    Pr

    tica

    Pro

    fis

    sio

    nal 2

    ,5

    To

    tal

    To

    tal 2

    ,5

    IV.1 Gerao, Transmisso e Distribuio de Energia

    40 50 60 50 100 100 80 80

    IV.2 Eletrnica III 60 50 40 50 100 100 80 80

    IV.3 Mquinas Eltricas IV 00 00 60 50 60 50 48 40

    IV.4 Controle e Automao II 60 50 40 50 100 100 80 80

    IV.5 Tcnicas de Manuteno Eltrica 00 00 40 50 40 50 32 40

    IV.6 Eficincia Energtica 40 50 00 00 40 50 32 40

    IV.7 Desenvolvimento do Trabalho de Concluso de Curso (TCC) em Eletrotcnica

    00 00 60 50 60 50 48 40

    Total 200 200 300 300 500 500 400 400

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 31

    4.4 Competncias, Habilidades e Bases Tecnolgicas por Componente Curricular

    MDULO I SEM CERTIFICAO TCNICA

    I.1 ELETRICIDADE BSICA

    Funo: Estudos e Projetos de Sistemas Industriais

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Analisar conceitos fundamentais de eletricidade. 2. Analisar circuitos em corrente contnua. 3. Executar ensaios, respeitando as caractersticas e limitaes tcnicas de componentes.

    1.1. Identificar os componentes e os elementos bsicos dos circuitos. 1.2. Realizar montagem de circuitos bsicos. 2.1 Utilizar as grandezas e escalas dos instrumentos de medio. 3.1. Aplicar metodologia de correta utilizao de equipamentos e instrumentos de medio. 3.2. Conferir os valores medidos com os tericos.

    Conceitos Fundamentais de Eletricidade:

    Carga eltrica; Processos de eletrizao; Condutores e isolantes; Fora eltrica; Campo eltrico; Potencial eltrico; Tenso; Corrente eltrica; Efeitos ocasionados pela passagem da corrente eltrica; 1 e 2 Lei de Ohm Associao de Resistores: Srie; Paralela; Mista; Estrela; Tringulo Potncia eltrica; Energia eltrica Mtodos de anlise/ resoluo de

    circuitos em Corrente Contnua: Kirchhoff; 1 Lei (Lei dos Ns); 2 Lei (Lei das Malhas) Maxwell; Superposio; Teoremas de Thvenin e Norton

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 40 Prtica em Laboratrio*

    60 Total 100 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5)

    50 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 100 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 32

    I.2 CIRCUITOS ELTRICOS I

    Funo: Manuteno dos Sistemas Industriais

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Interpretar conceitos matemticos e suas aplicaes. 2. Analisar ondas senoidais.

    1.1. Identificar noes de grandezas eltricas. 1.2. Identificar as funes com o comportamento de dispositivos discretos. 1.3. Identificar as funes trigonomtricas com noes de defasagem: fator de potncia e correes de fator de potncia. 2.1 Identificar as principais caractersticas das ondas senoidais.

    Conceitos Matemticos:

    Nmeros decimais; Prefixos numricos (nomenclatura e converses)

    Potncia de Dez (definio e operaes) > notao cientfica.

    Operaes com fraes e expresses algbricas;

    Multmetro e teoria dos erros.

    Paqumetro e micrmetro

    Unidades de medida em eletrotcnica e converses.

    Porcentagem: tolerncia de resistncia eltrica em resistores.

    Funo de 1 grau (equaes e grficos): lei de ohm

    Funes de 2 grau: potncia eltrica.

    Funo exponencial: comportamento de diodos e transistores. Funo logartmica: clculo de bits de endereamento.

    Matrizes: regras de Crammer e Sarrus; aplicao em circuitos eltricos.

    Relaes trigonomtricas: aplicao em circuitos eltricos RLC.

    Nmeros complexos: aplicao em circuitos eltricos de corrente alternada.

    - Operaes: soma, subtrao, multiplicao e diviso. - Formas retangular e polar. Caractersticas de ondas senoidais: medio de sinais no oscisloscpio

    Perodo;

    Frequncia;

    Valores relacionados amplitude

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 60 Prtica em Laboratrio*

    00 Total 60 horas-aula

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 33

    Terica (2,5) 50 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    00 Total (2,5) 50 horas-aula

    * Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular, no est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 34

    I.3 MQUINAS ELTRICAS I

    Funo: Manuteno de Sistema de Energia

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Interpretar os princpios que regem os fenmenos eletromagnticos. 2. Avaliar o campo magntico criado por correntes eltricas. 3. Analisar os circuitos magnticos.

    1.1 Verificar a influncia do campo magntico em diversos tipos de materiais. 2.1 Realizar clculos de intensidade do campo e fora magntica produzido por corrente eltrica. 3.1 Executar ensaios aplicados aos fenmenos eletromagnticos.

    Magnetismo: Propriedades dos ms naturais e artificiais; Campo magntico da terra; Polaridade magntica; Propriedades das linhas de fora magntica: teoria dos domnios Substncias ferromagntica, paramagntica e diamagntica; Eletromagnetismo: Campo magntico gerado por corrente eltrica em condutores retilneo, circular e espiral (solenide); Regra da mo direita (convencional), mo esquerda (real) e saca rolha; Fora eletromotriz Induzida (leis de Faraday e Lenz); Aplicaes de Circuitos Eletro-magnticos: contatores, rels, galvanmetro.

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    60 Total 60 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 35

    I.4 ELETRNICA DIGITAL I

    Funo: Planejamento e Controle na Manuteno

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Analisar os principais sistemas de numerao. 2. Analisar a simbologia e funo das portas lgicas bsicas. 3. Projetar circuitos lgicos combinacionais bsicos. 4. Projetar Codificadores e Decodificadores

    1.1 Aplicar mtodos de clculos de converso entre sistemas de numerao. 2.1. Relacionar os diferentes tipos de portas e o seu funcionamento. 2.2. Utilizar tabelas de resposta de portas lgicas. 2.3. Montar e verificar o comportamento das portas lgicas. 2.4. Identificar as principais caractersticas tcnicas dos circuitos integrados utilizando catlogos e manuais. 3.1. Elaborar simplificao de expresses matemticas de circuitos lgicos combinacionais. 3.2. Montar e verificar o funcionamento de circuitos lgicos combinacionais. 4.1 Identificar codificadores e decodificadores.

    Sistemas de numerao:

    Binrio;

    Decimal;

    Hexadecimal Portas lgicas:

    Simbologia;

    Expresso lgica;

    Tabela verdade;

    Circuitos integrados bsicos Circuitos lgicos

    combinacionais:

    Expresso lgica;

    Tabela verdade Simplificao de circuitos

    combinacionais:

    lgebra de Boole;

    Mapa de Veitch-Karnaugh Codificadores (decimal para BCD) e decodificadores (BCD 8421 para 7 segmentos)

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    60 Total 60 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 36

    I.5 INSTALAES ELTRICAS RESIDENCIAIS

    Funo: Instalao de Energia Eltrica

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Interpretar desenhos, projetos e esquemas de instalaes eltricas. 2. Avaliar o conceito de gerao, transmisso e distribuio de energia eltrica. 3. Interpretar tabelas, normas tcnicas e legislao pertinente s instalaes eltricas e de segurana. 4. Avaliar as propriedades e aplicaes dos materiais, acessrios e dispositivos de instalaes eltricas. 5. Projetar instalao eltrica residencial.

    1.1. Operar ferramentas. 1.2. Medir e instalar materiais eltricos.

    2.1 Citar gerao, transmisso e distribuio de energia eltrica. 3.1. Aplicar normas tcnicas, padres e legislao pertinente s instalaes eltricas e de segurana. 3.2. Utilizar simbologia e convenes tcnicas de instalaes eltricas. 3.3. Utilizar tabelas e catlogos tcnicos. 4.1 Aplicar diagramas unifilar, multifilar e funcional de instalaes eltricas. 5.1. Aplicar instalaes complementares residenciais. 5.2. Dimensionar e especificar materiais e componentes de instalaes eltricas.

    Noes e procedimentos de Ferramentas:

    Furadeira, serra eltrica, tarracha, lima, groza, chave de fenda, chave Philips, alicates, ferro de solda e tcnicas de soldagem. Noes e procedimentos de

    materiais eltricos: Eletrodutos (pol), abraadeiras, fios e cabos (AWG e mm), emendas e derivaes, tabela de corrente eltrica x mm, parafusos (pol e mm), tomadas, interruptores, disjuntores (norma DIN), DR (Dispositivo Residual), DDR (Dispositivo Diferencial Residual), DPS (Dispositivo de Proteo contra Surtos). Noes de gerao,

    transmisso e distribuio de energia eltrica.

    Normas tcnicas e legislao

    pertinente (NBR 5410, 5413, 5418).

    Simbologia e convenes tcnicas de instalaes eltricas (NBR 5444).

    Diagramas unifilar, multifilar e funcional de instalaes eltricas.

    Tabelas e catlogos tcnicos

    Regras de segurana, limpeza e organizao dentro do ambiente laboratorial.

    Noes bsicas de instalaes complementares residenciais: antena, telefonia.

    Projetos de Instalao eltrica residencial:

    - Condutores: critrios de dimensionamento (mxima corrente e queda de tenso) - Dimensionamento de Circuitos

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 37

    - Eletrodutos - Dispositivos de proteo - Aterramento eltrico - lista de materiais Projeto final de instalao

    eltrica residencial

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 60 Prtica em Laboratrio*

    40 Total 100 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 50 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 100 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 38

    I.6 DESENHO TCNICO

    Funo: Planejamento da Produo

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Correlacionar as tcnicas de desenho e de representaes grficas com seus fundamentos matemticos e geomtricos, visando sua Interpretao. 2. Avaliar os recursos de softwares grficos e suas aplicaes no desenho tcnico.

    1.1. Utilizar tcnicas especficas de desenho tcnico. 1.2. Elaborar desenho tcnico. 2.1. Selecionar recursos de softwares grficos. 2.2. Aplicar os comandos bsicos de desenho assistido por computador (CAD).

    Desenho Tcnico:

    Normas padronizadas

    Instrumentos

    Caligrafia tcnica

    Desenho geomtrico, escalas, cotas.

    Projees ortogonais

    Perspectivas

    Simbologia eltrica Softwares Grficos (CAD)

    Preparao da Tela

    Descrio do Menu Principal

    Descrio dos Tools bars Fixo e Flutuantes

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    40 Total 40 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 39

    I.7 APLICATIVOS INFORMATIZADOS

    Funo: Estudos e Projetos de Sistemas Industriais

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Analisar sistemas

    operacionais e programas de

    aplicao necessrios

    realizao de atividades na rea

    profissional.

    2. Selecionar plataformas para

    publicao de contedo na

    internet e gerenciamento de

    dados e informaes.

    3. Distinguir softwares aplicativos

    especficos

    1.1 Identificar sistemas

    operacionais, softwares e

    aplicativos teis para a rea.

    1.2 Operar sistemas

    operacionais bsicos.

    1.3 Utilizar aplicativos de

    informtica gerais e especficos

    para desenvolvimento das

    atividades na rea.

    1.4 Pesquisar novas ferramentas

    e aplicativos de informtica para

    a rea.

    2.1 Utilizar plataformas de

    desenvolvimento de websites,

    blogs e redes sociais, para

    publicao de contedo na

    internet.

    2.2 Identificar e utilizar

    ferramentas de armazenamento

    de dados na nuvem.

    3.1. Noes de rede e sua eficincia operacional: TCP-IP 3.2. Software para desenho de circuitos e desenvolvimento de leiaute: Proteus, circuit maker, multisim, visio. 3.3. Software aplicado projetos de luminotcnica: lumisoft

    Fundamentos de Sistemas

    Operacionais

    Tipos;

    Caractersticas;

    Funes bsicas.

    Fundamentos de aplicativos de

    Escritrio

    Ferramentas de

    processamento e edio

    de textos:

    formatao

    bsica;

    organogramas;

    desenhos;

    figuras;

    mala direta;

    etiquetas.

    Ferramentas para

    elaborao e

    gerenciamento de

    planilhas eletrnicas:

    formatao;

    frmulas;

    funes;

    grficos.

    Ferramentas de

    apresentaes:

    elaborao de

    slides e tcnicas

    de

    apresentao.

    Conceitos bsicos de

    gerenciamento eletrnico das

    informaes, atividades e

    arquivos

    Armazenamento em

    nuvem:

    sincronizao,

    backup e

    restaurao de

    arquivos;

    segurana de

    dados.

    Aplicativos de

    produtividade em nuvem:

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 40

    webmail,

    agenda,

    localizao,

    pesquisa,

    notcias,

    fotos/vdeos,

    outros.

    Noes bsicas de redes de

    comunicao de dados

    Conceitos bsicos de

    redes;

    Softwares,

    equipamentos e

    acessrios.

    Tcnicas de pesquisa avanada

    na web

    Pesquisa atravs de

    parmetros;

    Validao de

    informaes atravs de

    ferramentas disponveis

    na internet.

    Conhecimentos bsicos para

    publicao de informaes na

    internet

    Elementos para

    construo de um site ou

    blog;

    Tcnicas para

    publicao de

    informaes em redes

    sociais:

    privacidade e

    segurana;

    produtividade

    em redes

    sociais;

    ferramentas de

    anlise de

    resultados.

    Noes de rede e sua eficincia operacional

    TCP-IP Software para desenho de circuitos e desenvolvimento de leiaute: Proteus, circuit maker, multisim, visio.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 41

    Software aplicado em projetos de luminotcnica: lumisoft

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    40 Total 40 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 42

    I.8 SEGURANA NO TRABALHO E MEIO AMBIENTE

    Funo: Controle Ambiental e Segurana Industrial

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Distinguir as principais causas de acidentes de trabalho e mtodos de preveno. 2. Analisar os riscos de doenas ocupacionais e classificar as doenas e acidentes relacionados ao trabalho. 3. Interpretar legislao e as normas tcnicas referentes ao processo, ao produto de sade, segurana no trabalho, qualidade e ambientais. 4. Analisar os principais conceitos e mtodos relativos proteo e preveno contra incndios.

    1.1. Relacionar as normas de segurana a fim de prevenir os acidentes no trabalho. 1.2. Relacionar os cdigos e smbolos utilizados em sade e segurana no trabalho. 1.3. Listar as medidas de proteo / preveno a serem adotadas pelos profissionais. 1.4. Identificar graus, causas e preveno de fadiga no trabalho. 1.5. Executar procedimentos de preveno de acidentes. 1.6. Identificar os princpios ergonmicos nos ambientes de trabalho. 1.7. Relacionar os princpios ergonmicos a serem utilizados durante a realizao do trabalho. 1.6 Identificar e utilizar os principais EPIs e EPCs. 2.1. Relacionar os direitos dos trabalhadores frente aos acidentes de trabalho. 2.2. Identificar situaes de riscos ocupacionais. 2.3. Relacionar os acidentes e as doenas ocupacionais que mais ocorrem no trabalho. 3.1. Envolver-se na melhoria contnua da qualidade, produtividade, na introduo de novas tecnologias e no intercmbio com outros setores, referente segurana no trabalho. 3.2. Estabelecer e seguir critrios de produtividade e qualidade. 3.3. Aplicar as normas tcnicas de proteo a servios de alta periculosidade. 4.1 Aplicar procedimentos de segurana e roteiros de execuo no caso de incndios.

    Sade e segurana no trabalho

    Acidentes do Trabalho

    Mtodos de Preveno contra acidentes no trabalho

    Ergonomia

    Legislao trabalhista frente aos acidentes de trabalho: preenchimento da CAT

    Doenas ocupacionais relacionadas ao trabalho:

    Riscos ocupacionais Rudos Fadiga

    Cdigos e smbolos especficos de SST Sade e Segurana no Trabalho

    Equipamentos de proteo individual (EPI) e de proteo coletiva (EPC)

    CIPA organizao, funcionamento, legislao.

    Preveno e proteo contra incndios

    Riscos ambientais com agentes fsicos, qumicos e biolgicos.

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 40 Prtica em Laboratrio*

    00 Total 40 horas-aula

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 43

    Terica (2,5) 50 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    00 Total (2,5) 50 horas-aula

    * Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular, no est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 44

    MDULO II SEM CETIFICAO TCNICA

    II.1 CIRCUITOS ELTRICOS II

    Funo: Estudos e Projetos de Sistemas Industriais

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Analisar os diversos mtodos de resoluo de circuitos eltricos. 2. Analisar dados e caractersticas dos circuitos em corrente alternada. 3. Interpretar circuitos em corrente alternada. 4. Analisar associao de componentes em montagem de circuitos em corrente alternada.

    1.1 Aplicar os diversos mtodos de anlise para resoluo de circuitos em corrente alternada.

    2.1 Executar clculo em circuitos de corrente alternada utilizando nmeros complexos. 3.1 Aplicar componentes resistivos, indutivos e capacitivos em circuitos de corrente alternada. 4.1 Aplicar as associaes de componentes RLC em corrente alternada verificando seus efeitos. 4.2 Executar testes e ensaios em circuitos de corrente alternada

    Introduo a corrente alternada:

    Operaes bsicas com nmeros complexos;

    Gerao de corrente alternada;

    Defasagem de ondas;

    Frequncia;

    Perodo;

    ngulo de fase;

    Amplitude;

    Equaes caractersticas dos sinais em corrente alternada

    Anlise do comportamento dos resistores, capacitores e indutores em corrente alternada. Circuitos de corrente alternada:

    Circuito Srie: RL, RC e RLC

    Circuito Paralelo: RL, RC e RLC

    Filtro Passa baixa, Passa Alta. Passa Faixa e Rejeita Faixa

    Potncias Ativa, Reativa, Aparente e Correo de fator de potncia em corrente alternada

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 60 Prtica em Laboratrio*

    40 Total 100 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 50 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 100 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 45

    II.2 ELETRNICA I

    Funo: Manuteno dos Sistemas Industriais

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Analisar resistores eltricos 2. Analisar relaes entre sinais senoidais e medies em osciloscpio. 3. Analisar as caractersticas de semicondutores e circuitos retificadores, com e sem filtro capacitivo. 4. Avaliar fonte de alimentao retificada.

    1.1 Identificar resistores eltricos. 2.1. Identificar as principais caractersticas das ondas senoidais. 2.2. Executar experimentos em laboratrio visando utilizao de osciloscpio como instrumento de medio. 2.3. Expedir relatrios tcnicos, com base nos experimentos em laboratrio. 3.1. Identificar especificaes em tabelas, manuais e catlogos de fabricantes dos componentes semicondutores. 3.2. Identificar componentes eletrnicos atravs dos seus smbolos e aspectos fsicos. 3.3. Utilizar e executar testes nos componentes semicondutores de acordo com as especificaes tcnicas. 4.1. Executar esboos, desenhos de circuitos eletrnicos bsicos retificadores com e sem filtro capacitivo. 4.2. Identificar os parmetros de uma fonte de alimentao retificada.

    Resistncia Eltrica;

    Resistores hmicos e no hmicos;

    Fixos e variveis;

    Especificaes de resistores (cdigo de cores e potncia);

    Caractersticas construtivas Caractersticas de ondas senoidais:

    Perodo;

    Frequncia;

    Valores relacionados amplitude

    Osciloscpio, gerador de funes e frequencmetro (frequncia, perodo e amplitude). Semicondutores:

    Diodo de Juno PN Diodo emissor de luz (LED) Circuitos Retificadores Capacitores:

    Especificao;

    Caractersticas;

    Aplicaes Fontes de Alimentao:

    Diagrama de blocos;

    Circuitos retificadores;

    Filtro capacitivo Projeto e montagem de fonte de Alimentao de 0-15V 1A

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    60 Total 60horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 46

    II.3 MQUINAS ELTRICAS II

    Funo: Manuteno de Sistema de Energia e de Redes de Comunicao

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Analisar os princpios de funcionamento e as suas caractersticas fsicas dos transformadores de carga, auto - transformadores, transformadores de potncia (TPs), transformadores de corrente(TCs), do sistema monofsico e trifsicos. 2. Analisar os diversos ensaios aplicados nos transformadores de carga, auto transformadores e TPs ,TCs 3. Avaliar as aplicaes dos TCs e TPs para medio e proteo do sistema

    1.1. Selecionar o tipo de transformador e de gerador sncrono de acordo com a aplicao. 1.2. Aplicar conceitos e tcnicas de instalao e montagem de sistemas com transformadores 2.1. Executar ensaios em transformadores e, respeitando as caractersticas e limitaes tcnicas. 2.2. Identificar fisicamente os diversos modelos de transformador. 2.3 Identificar as partes e componentes de um transformador. Executar os ensaios de polaridade entre bobinas. 2.4. Executar a ligao para os transformador de monofsico dois enrolamentos simples (primrio e secundrio), com mais de um tape de derivao. 2.5. Executar ensaio de saturao, ensaio a vazio, ensaio curto circuito, ligao para o transformador de monofsico dois enrolamentos no primrio individual e secundrio com apenas um nico enrolamento, ligao para transformadores trifsicos ( , , ,

    ). 2.6. Executar a ligao dos auto-transformadores (monofsicos e trifsicos). 3.1. Aplicar os TPs para medio e proteo 3.2. Aplicar os TCs para medio e proteo.

    Transformadores

    Princpio de funcionamento: em vazio e com carga; Perdas no ncleo Histerese e Foucault (P0), Corrente a vazio (I0), Relao de transformao (KT), Parmetros de magnetizao (Rm, Xm e Zm); relaes de transformao, perdas.

    Tipos e aplicaes: de potncia, de corrente, de potencial, de isolao.

    Caractersticas construtivas

    Circuitos equivalentes, ensaios e normas tcnicas.

    Autotransformador Funcionamento e comparao com o transformador, Transformador de potncia (TPs), medio e proteo. Transformador de Corrente (TCs), medio e proteo. Isolao dos transformadores, tipos de isolao e leos isolante.

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    40 Total 40horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50horas-aula

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 47

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 48

    II.4 ELETRNICA DIGITAL II

    Funo: Planejamento e Controle na Manuteno

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Avaliar circuitos aritmticos 2. Analisar circuitos multiplex e demultiplex 3. Interpretar circuitos lgicos sequenciais bsicos. 4. Analisar circuitos lgicos.

    1.1 Executar montagens e testes em circuitos aritmticos. 2.1 Executar montagem de Multiplex e Demultiplex. 3.1. Identificar circuitos lgicos sequenciais. 3.2. Aplicar tcnicas para montagem de circuitos com Flip-Flops, contadores e registradores. 4.1 Executar montagens de circuitos lgicos.

    Circuitos aritmticos Mux e Demux

    Lgica Sequencial

    Flip-Flops (RS, JK)

    Contadores

    Registradores

    Circuitos digitais de baixa complexidade

    Montagens de circuitos de baixa complexidade

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    60 Total 60 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 49

    II.5 INSTALAES ELTRICA PREDIAIS

    Funo: Projeto e Instalaes Eltricas

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Interpretar desenhos, projetos e esquemas de instalaes eltricas prediais e redes de comunicao. 2. Interpretar padres, normas tcnicas e legislao pertinente s instalaes eltricas prediais. 3. Projetar instalaes eltricas prediais.

    1.1 Executar desenhos de esquemas de redes, linhas eltricas e instalaes eltricas prediais. 2.1 Efetuar dimensionamento e especificao de materiais, linhas eltricas e instalaes eltricas prediais. 3.1. Apresentar propostas de solues em luminotcnica. 3.2. Aplicar normas tcnicas, padres e legislao pertinentes a instalaes eltricas prediais. 3.3. Utilizar manuais e catlogos tcnicos de dispositivos, componentes e acessrios em instalaes eltricas prediais. 3.4. Executar servios de instalao e montagem em instalaes eltricas prediais e redes de comunicao.

    Instalaes Eltricas prediais, especificaes e dimensionamento de circuitos de fora, proteo e sistemas de aterramento.

    Critrios da mxima corrente e queda de tenso

    Luminotcnica:

    Normas tcnicas (NBR 5413)

    Iluminao incandescente e fluorescente,

    Mtodo dos lumens

    Prumada eltrica e padro de entrada Redes de Comunicao (Telefonia, TV e dados). Projeto de Instalao Eltrica Predial Softwares especficos para instalaes eltricas prediais

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 60 Prtica em Laboratrio*

    40 Total 100 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 50 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 100 horas-aula

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 50

    II.6 COMANDOS ELTRICOS

    Funo: Instalao de Energia Eltrica e de Redes de Comunicao

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Interpretar as normas tcnicas referentes a comandos eltricos; 2. Distinguir os dispositivos de comandos em conformidade com os aspectos fsicos. 3. Interpretar esquemas e diagramas de comandos eltricos. 4. Desenvolver diagramas de comandos eltricos. 5. Analisar comandos eltricos.

    1.1 Aplicar norma tcnica pertinente a comandos eltricos.

    2.1 Identificar os dispositivos de comandos eltricos. 3.1. Identificar simbologia de dispositivos de comandos eltricos. 3.2. Executar desenhos de esquemas e diagramas de comandos eltricos. 4.1. Aplicar conceitos e tcnicas na elaborao dos diagramas de comandos eltricos. 4.2. Executar simulaes com software especfico. 5.1. Realizar montagens de comandos eltricos. 5.2. Documentar procedimentos de testes de dispositivos de comando e proteo.

    Comandos Eltricos;

    Introduo Comandos Eltricos conforme norma ABNT

    Dispositivos de Comandos Eltricos: Dispositivos de manobra:

    Botes

    Botoeiras

    Chaves seccionadoras

    Fim de cursos Dispositivos de Acionamento:

    Contatores

    Rels Dispositivos de Proteo:

    Fusveis Diazed e NH;

    Disjuntor Motor;

    Rel de Sobrecarga;

    Rel Falta de fase

    Diagramas de Comandos:

    Simbologia

    Terminologia Tipos de Partida de Mquinas Eltricas:

    Comando de uma Chave de Partida Direta

    Comando de uma Chave de Partida Direta com Sequencial

    Comando de uma Chave de Partida Direta com Reverso

    Comando de uma Chave de Partida Estrela-Tringulo

    Comando de uma Chave de Partida com Auto-transformador

    Software especfico para comandos eltricos

    Carga Horria (horas-aula)

    Terica 00 Prtica em Laboratrio*

    60 Total 60 horas-aula

    Prtica em Laboratrio

    Terica (2,5) 00 Prtica em Laboratrio* (2,5)

    50 Total (2,5) 50 horas-aula

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 51

    * Possibilidade de diviso de classes em turmas, conforme o item 4.8 do Plano de Curso.

    ** Todos os componentes curriculares preveem prtica, expressa nas habilidades, relacionadas s competncias. Para este componente curricular est prevista diviso de classes em turmas.

  • Centro Estadual de Educao Tecnolgica Paula Souza Governo do Estado de So Paulo

    Rua dos Andradas, 140 Santa Ifignia CEP: 01208-000 So Paulo SP

    CNPJ: 62823257/0001-09 239 Pgina n 52

    II.7 TICA E CIDADANIA ORGANIZACIONAL

    Funo: Planejamento tico e Organizacional

    COMPETNCIAS HABILIDADES BASES TECNOLGICAS

    1. Analisar os Cdigos de Defesa

    do Consumidor, da legislao

    trabalhista, do trabalho voluntrio

    e das regras e regulamentos

    organizacionais.

    2. Analisar procedimentos para a

    promoo da imagem

    organizacional.

    3. Relacionar as tcnicas e

    mtodos de trabalho com os

    valores de cooperao, iniciativa

    e autonomia pessoal e

    organizacional.

    4. Analisar a importncia da

    responsabilidade social e da

    sustentabilidade na formao

    profissional e tica do cidado.

    1.1 Interpretar a legislao

    trabalhista nas relaes de

    trabalho.

    1.2 Interpretar o Cdigo de

    Defesa do Consumidor nas

    relaes de consumo.

    1.3 Identificar o papel da

    legislao no exerccio do

    trabalho voluntrio.

    1.4 Identificar as regras e

    regulamentos nas prticas

    trabalhistas das organizaes

    2.1 Identificar o contexto de

    aplicao dos procedimentos na

    organizao e adequ-los,

    considerando os critrios dos

    rgos reguladores do setor de

    atuao.

    2.2 Discernir ameaas que

    possam comprometer a

    organizao.

    2.3 Potencializar as

    oportunidades que impactem na

    imagem da organizao e

    resultem em novas relaes de

    negcios e parcerias.

    3.1 Respeitar as diferenas

    individuais e regionais dos

    colaboradores no mbito

    organizacional.

    3.2 Identificar valores e encorajar

    as manifestaes de

    diversidades culturais e sociais.

    3.3 Utilizar tcnicas de

    aprimoramento das prticas de

    convivncia com todos os

    envolvidos no processo de

    construo das relaes

    profissionais e de consumo.

    4.1 Identificar e r