Click here to load reader

SACOLAS PLÁSTICAS - · PDF fileAs sacolas plásticas para diversos fins fazem parte de nosso cotidiano e o alto grau de consumo, junto à falta de destino adequado para as mesmas,

  • View
    218

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of SACOLAS PLÁSTICAS - · PDF fileAs sacolas plásticas para diversos fins fazem...

  • EDM0432 - Metodologia do Ensino de Qumica

    1 Sacolas Plsticas

    Minicurso

    SACOLAS PLSTICAS

    ELABORAO:

    Andreza Cristina Souza Silva Danielle de Souza Arajo Helena Savignani Alvares Leite Roberta de Melo Silva

    ORIENTAO:

    Prof. Dr. Marcelo Giordan

    Aluno:

    So Paulo 2015

    http://disciplinas.stoa.usp.br/course/view.php?id=2372

  • EDM0432 - Metodologia do Ensino de Qumica

    2 Sacolas Plsticas

    SUMRIO

    AULA 1......................................................................................................................... 3

    Introduo ................................................................................................................. 3

    Leitura de Texto ........................................................................................................ 4

    Histrico da lei ........................................................................................................... 6

    Reciclagem ............................................................................................................... 6

    AULA 2......................................................................................................................... 7

    Tabela de Classificao dos tipos de plsticos .......................................................... 8

    AULA 3......................................................................................................................... 9

    Sntese do Polmero Ureia - formaldedo ................................................................ 9

    Procedimento Experimental ................................................................................... 9

    AULA 4....................................................................................................................... 10

    AULA 5....................................................................................................................... 10

    Atividade Construindo Molculas ......................................................................... 11

    AULA 6....................................................................................................................... 12

    Produo dos plsticos tradicional e verde ........................................................... 12

    AULA 7....................................................................................................................... 14

    Tempo de Degradao dos Materiais ...................................................................... 14

    AULA 8....................................................................................................................... 15

    http://disciplinas.stoa.usp.br/course/view.php?id=2372

  • EDM0432 - Metodologia do Ensino de Qumica

    3 Sacolas Plsticas

    AULA 1

    Introduo

    As sacolas plsticas para diversos fins fazem parte de nosso cotidiano e

    o alto grau de consumo, junto falta de destino adequado para as mesmas, faz

    com que sejam vils do ponto de vista ambiental. Preocupada com isso, a

    Prefeitura da Cidade de So Paulo lanou uma lei que probe a distribuio de

    sacolas cuja matria prima seja o petrleo, substituindo-as por sacolas feitas a

    partir da cana de acar, ditas como verdes e que tambm possuem duas

    cores, uma para materiais orgnicos e outra para reciclveis, facilitando assim

    a coleta seletiva e posterior reciclagem e compostagem. Partindo deste

    contexto, a sequncia de aulas que vocs iro participar tem como objetivo

    estudar o contedo de polmeros, alm de trabalhar habilidades de leitura,

    interpretao de texto, observao e trabalho em laboratrio, alm de

    desenvolvimento de senso crtico sobre consumo de plsticos e as questes

    ambientais envolvidas.

    Para comear esse estudo vamos assistir ao vdeo De onde vem para

    onde vai.

    Disponvel em: < https://www.youtube.com/watch?v=AXrIWrJL0bw>

    No espao abaixo escreva observaes, comentrios ou questes sobre

    o vdeo:

    _______________________________________________________________

    _______________________________________________________________

    _______________________________________________________________

    _______________________________________________________________

    _______________________________________________________________

    _______________________________________________________________

    _______________________________________________________________

    http://disciplinas.stoa.usp.br/course/view.php?id=2372https://www.youtube.com/watch?v=AXrIWrJL0bw

  • EDM0432 - Metodologia do Ensino de Qumica

    4 Sacolas Plsticas

    Leitura de Texto

    Prefeitura cria sacola verde para reciclagem, que substitui sacolinhas

    proibidas por lei

    Regulamentao de lei que probe sacolinhas de supermercado entra em

    vigor dia 5 de fevereiro. Sacola verde s pode ser reutilizada para

    reciclagem de lixo seco

    07/01/2015 14:59h

    O prefeito Fernando Haddad regulamentou a Lei 15.374/2011, que

    probe a distribuio gratuita ou a venda de sacolas plsticas nos

    estabelecimentos comerciais da capital e recentemente foi considerada vlida

    pela Justia. Os comerciantes tm at 05 de fevereiro para se adaptar s

    novas regras, que autorizam a distribuio ou a venda de uma nova sacola

    padronizada, verde, para ser reutilizada apenas para descartar lixo reciclvel. A

    regulamentao est prevista no Decreto 55.827, publicado nesta quarta-feira

    (7) no Dirio Oficial do Municpio.

    O que ns procuramos fazer conciliar interesses contraditrios. um modelo

    que atende a todos os envolvidos: a indstria produtora das sacolas que corria o risco

    de demitir trabalhadores, o consumidor que quer comodidade para carregar suas

    compras e o meio ambiente que no pode continuar a ser degradado, afirmou

    Haddad.

    As sacolinhas descartveis, que eram distribudas principalmente nos

    supermercados, esto proibidas. J a nova sacolinha verde ser usada pelo

    consumidor para carregar as compras e depois dever ser reutilizada para

    descartar o lixo reciclvel, que ser enviado a uma das centrais de triagem,

    mecanizadas ou manuais, nas cooperativas. A sacola verde no poder ser

    usada para o descarte do lixo orgnico, que dever ser depositado em sacos

    de lixo adquiridos para este fim.

    O novo padro de sacola foi desenvolvido para adequar-se coleta

    seletiva. feita de cana-de-acar, um material renovvel. Suporta carregar

    at 10 quilos e cerca de 40% maior que as sacolas atualmente distribudas

    nos supermercados. Ter resistncia maior e permitir, por exemplo, o

    http://disciplinas.stoa.usp.br/course/view.php?id=2372http://diariooficial.imprensaoficial.com.br/nav_cidade/index.asp?c=1&e=20150107&p=1&clipID=1JHAB03OBPU67eAKLIUU2BUL893

  • EDM0432 - Metodologia do Ensino de Qumica

    5 Sacolas Plsticas

    transporte de at trs garrafas PET cheias. As novas sacolas sero verdes e

    apresentaro orientaes sobre o acondicionamento adequado dos resduos

    reciclveis. Estima-se que o custo para os estabelecimentos equivalente ao

    do modelo utilizado atualmente. O novo modelo foi definido em dilogo com os

    comerciantes e com os produtores das sacolas plsticas.

    Segundo o secretrio Simo Pedro (Servios), tambm esto sendo

    preparados novos modelos de sacolas nas cores marrom e cinza, adequadas

    ao descarte de lixo orgnico para compostagem e de inservveis, resduos que

    no podem ser reciclados. A utilizao das sacolinhas plsticas convencionais

    para o descarte dos resduos no reciclveis dificulta o manejo dos aterros

    sanitrios.

    No apenas a questo de levar plstico para o aterro sanitrio. A sacolinha

    um vilo porque cria dificuldade em fazer a acomodao das camadas de resduos e

    de solo. Dificulta a estruturao por criar bolses de ar e desequilibrar o aterro,

    afirmou o secretrio Wanderley Meira do Nascimento (Verde e Meio Ambiente).

    De acordo com o secretrio, o uso das sacolas tambm ser acompanhado de

    um trabalho de educao ambiental, principalmente com as crianas.

    Com as novas regras, a populao passar por um perodo de

    adaptao, em que receber orientaes sobre a maneira mais adequada de

    utilizar e descartar as sacolas, tanto nos estabelecimentos quanto pelo poder

    pblico.

    O descumprimento [das novas regras] uma infrao administrativa

    ambiental, com punio estabelecida pela legislao federal, disse o secretrio

    Simo Pedro.

    A fiscalizao do uso das sacolas verdes ser realizada pela Secretaria

    Municipal do Verde e Meio Ambiente. Pelo decreto publicado hoje no Dirio

    Oficial da Cidade, as penas so determinadas pelo Decreto Federal 6514, de

    22 de julho de 2008. O comerciante que desrespeitar a lei poder receber uma

    multa de R$ 500 a R$ 2 milhes, de acordo com a gravidade e o impacto do

    dano provocado ao meio ambiente. J o cidado que no cumprir as regras

    http://disciplinas.stoa.usp.br/course/view.php?id=2372http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/decreto/D6514.htm

  • EDM0432 - Metodologia do Ensino de Qumica

    6 Sacolas Plsticas

    poder receber advertncia e, em caso de reincidncia, poder ter que pagar

    uma multa com valor entre R$ 50 e R$ 500.

    Histrico da lei

    Aps a Lei 15.374/2011 ter sido sancionada em maio de 2011, o

    Sindicato da Indstria de Material Plstico do Estado de So Paulo ingressou

    com um pedido no Tribunal d

Search related