Aula 9 processo administrativo

  • View
    210

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Transcript

  • 1. DIREITO ADMINISTRATIVO I AULA 9 CORREO DA PROVA PROCESSO ADMINISTRATIVO

2. CORREO DA PROVA 01) Prova: CESPE - 2013 - SEFAZ-ES - Auditor Fiscal da Receita Estadual Acerca do direito administrativo, assinale a opo correta. a) A administrao pblica confunde-se com o prprio Poder Executivo, haja vista que a este cabe, em vista do princpio da separao dos poderes, a exclusiva funo administrativa. b) A ausncia de um cdigo especfico para o direito administrativo reflete a falta de autonomia dessa rea jurdica, devendo o aplicador do direito recorrer a outras disciplinas subsidiariamente. c) O direito administrativo visa regulao das relaes jurdicas entre servidores e entre estes e os rgos da administrao, ao passo que o direito privado regula a relao entre os rgos e a sociedade. d) A indisponibilidade do interesse pblico, princpio voltado ao administrado, traduz-se pela impossibilidade de alienao ou penhora de um bem pblico cuja posse detenha o particular. e) Em sentido subjetivo, a administrao pblica confunde-se com os prprios sujeitos que integram a estrutura administrativa do Estado. (letra B nas provas tipo C e D) 3. 02) Prova: TJ-DFT - 2008 - TJ-DF - Juiz - Objetiva Disciplina: Direito Administrativo | Assuntos: Atos administrativos; Princpios da Administrao Pblica; Regime jurdico administrativo; Em se tratando de ato administrativo, a "honestidade" est diretamente ligada ao princpio da: a) Legalidade; b) Moralidade Administrativa; c) Razoabilidade; d) Proporcionalidade. (letra C nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 4. 03) Prova: TJ-DFT - 2007 - TJ-DF - Juiz - Objetiva.2 Disciplina: Direito Administrativo | Assuntos: Princpios da Administrao Pblica; Regime jurdico administrativo; Assinale a alternativa correta: a) a inobservncia ao princpio da moralidade pode configurar improbidade administrativa; b) a exigncia de concurso pblico obrigatria para o acesso a cargos ou empregos da Administrao Pblica direta, facultando- se sua realizao em caso de empresas pblicas e sociedade de economia mista; c) a responsabilidade civil objetiva do Estado atribui Administrao Pblica o dever de indenizar eventos danosos decorrentes de fenmenos da natureza e fatos de terceiros; d) a descentralizao administrativa supe a transferncia de atividades prprias da Administrao Pblica e atividades de direito privado. (letra D nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 5. 04 Prova: CESPE - 2009 - OAB - Exame de Ordem - 2 - Primeira Fase No que concerne administrao pblica, assinale a opo correta. a) As empresas pblicas, cujos funcionrios so regidos pelo regime dos servidores pblicos da Unio, so criadas por meio de decreto do presidente da Repblica. b) Os rgos pblicos no so dotados de personalidade jurdica prpria. c) A Caixa Econmica Federal pessoa jurdica de direito pblico interno. d) O Banco do Brasil S.A., na qualidade de sociedade de economia mista controlada pela Unio, goza de privilgios fiscais no extensivos ao setor privado. (letra A nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 6. 05) Prova: ESAF - 2009 - Receita Federal - Analista Tributrio da Receita Federal - Prova 1 Marque a opo incorreta. a) O contrato de gesto, quando celebrado com organizaes sociais, restringe a sua autonomia. b) Quanto estrutura das autarquias, estas podem ser fundacionais e corporativas. c) Os servios sociais autnomos so entes paraestatais que no integram a Administrao direta nem a indireta. d) Organizao social a qualificao jurdica dada a pessoa jurdica de direito privado ou pblico, sem fins lucrativos, e que recebe delegao do Poder Pblico, mediante contrato de gesto, para desempenhar servio pblico de natureza social. e) A Administrao Pblica, ao criar fundao de direito privado, submete-a ao direito comum em tudo aquilo que no for expressamente derrogado por normas de direito pblico. (letra B nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 7. 06) Disciplina: Direito Administrativo | Prova: ESAF - 2002 - SUSEP - Analista Tcnico - Superior As agncias reguladoras, recentemente criadas na Administrao Pblica Indireta Federal, no se caracterizam por: a) personalidade jurdica de direito pblico, sob a forma de autarquia. b) autonomia para editar normas administrativas referentes ao objeto de sua regulao, observados os limites legais. c) independncia de seu corpo diretivo. d) exerccio do poder de polcia respectivo rea de atuao. e) desvinculao a rgo ministerial supervisor. (letra C nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 8. 8) Prova: FGV - 2011 - OAB - Exame de Ordem Unificado - IV - Primeira Fase A qualificao como Organizaes da Sociedade Civil de Interesse Pblico (OSCIPs) de pessoas jurdicas de direito privado, sem fins lucrativos, cujos objetivos sociais e normas estatutrias atendam aos requisitos previstos na respectiva lei ato a) vinculado ao cumprimento dos requisitos estabelecidos em lei. b) complexo, uma vez que somente se aperfeioa com a instituio do Termo de Parceria. c) discricionrio, uma vez que depende de avaliao administrativa quanto sua convenincia e oportunidade. d) composto, subordinando-se homologao da Chefia do Poder Executivo. (letra C nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 9. 9) Prova: FCC - 2009 - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Prova 2 Determinado agente pblico, realizando fiscalizao, verifica tratar-se de caso de aplicao de multa administrativa. Tal agente, de ofcio, lavra o auto respectivo. Considerando essa situao luz de princpios que regem a Administrao Pblica, correto afirmar que, em nome do princpio da a) autoexecutoriedade, tal multa pode ser exigida independentemente de defesa do autuado em processo administrativo. b) imperatividade, a cobrana dessa multa no depende de autorizao judicial. c) indisponibilidade do interesse pblico, o julgador no processo administrativo no pode dar razo s alegaes do particular. d) autotutela, a Administrao pode anular a autuao, caso nela constate vcios quanto legalidade. e) presuno de legalidade, a Administrao s pode reconhecer a invalidade do auto ante prova produzida pelo particular. (letra A nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 10. 10) Prova: FCC - 2010 - DPE-SP - Agente de Defensoria - Administrador O servidor pblico quando instado pela legislao a atuar de forma tica, no tem que decidir somente entre o que legal e ilegal, mas, acima de tudo entre o que a) oportuno e inoportuno. b) conveniente e inconveniente. c) honesto e desonesto. d) pblico e privado. e) bom e ruim. (letra A nas provas tipo C e D) CORREO DA PROVA 11. Processo administrativo Processo ou Procedimento Importncia do Tema Requisitos Objetivos Espcies Fases Princpios Coisa julgada administrativa Lei n 9784/99 12. PROCESSO ADMINISTRATIVO PROCESSO OU PRECEDIMENTO? Processo ou Procedimento? 13. Processo (do latim procedere) um verbo que indica a ao de avanar, ir para frente (pro+cedere) e um conjunto sequencial e particular de aes com objetivo comum. Pode ter os mais variados propsitos: criar, inventar, projetar, transformar, produzir, controlar , manter e usar produtos ou sistemas. PROCESSO ADMINISTRATIVO PROCESSO OU PRECEDIMENTO? 14. PROCESSO meio de soluo de conflitos ou lide (conceito de Carnelutti). Processo Conjunto de atos coordenados visando a composio de uma lide (Moacyr Amaral Santos). "Processo o sistema de compor a lide em juzo atravs de uma relao jurdica vinculativa de direito pblico". (Humberto Teodoro Jnior) PROCESSO ADMINISTRATIVO PROCESSO OU PRECEDIMENTO? 15. Hely Lopes Meirelles, ensina que: processo o conjunto de atos coordenados para a obteno de deciso sobre uma controvrsia no mbito judicial ou administrativo(...) no h processo sem procedimento, mas h procedimentos administrativos que no constituem processo (...) O que caracteriza o processo o ordenamento de atos para a soluo de uma controvrsia (...) PROCESSO ADMINISTRATIVO PROCESSO OU PRECEDIMENTO? 16. Procedimento rito processual, forma de coordenao dos atos. "Procedimento o modus operandi do processo". (Carreira Alvim) "Procedimento a exteriorizao do processo, o rito ou o andamento do processo, o modo como se encadeiam os atos processuais." (Pinto Ferreira) "Procedimento o meio extrnseco pelo qual se instaura, desenvolve-se e termina o processo; a manifestao extrnseca deste, a sua realidade fenomenolgica perceptvel." ( Arajo Cintra, Ada Pellegrini Grinover e Cndido Rangel Dinamarco) PROCESSO ADMINISTRATIVO PROCESSO OU PROCEDIMENTO? 17. Lide pretenso resistida Conflito de interesses PROCESSO ADMINISTRATIVO PROCESSO OU PROCEDIMENTO? 18. LV - aos litigantes, em processo judicial ou administrativo, e aos acusados em geral so assegurados o contraditrio e ampla defesa, com os meios e recursos a ela inerentes; LVI - so inadmissveis, no processo, as provas obtidas por meios ilcitos; LX - a lei s poder restringir a publicidade dos atos processuais quando a defesa da intimidade ou o interesse social o exigirem; LXXVIII a todos, no mbito judicial e administrativo, so assegurados a razovel durao do processo e os meios que garantam a celeridade de sua tramitao. (Includo pela Emenda Constitucional n 45, de 2004) PROCESSO ADMINISTRATIVO PROCESSO OU PROCEDIMENTO? 19. O direito um processo comunicacional! PROCESSO ADMINISTRATIVO IMPORTNCIA DO TEMA 20. NIKLAS LUHMANN O nosso ponto de partida que os sistemas sociais no so constitudos por sistemas psquicos, menos ainda por seres humanos em carne e osso. (Soziale Systeme, 1984, p.346) Apenas atingimos um fundo slido, se nos lembrarmos que os sistemas sociais so constitudos por comunicaes () Para poder dizer que se est perante uma operao jurdica, deve portanto haver uma comunicao () Mas no basta obviamente qualquer comunicao () Apenas pertence ao sistema jurdico uma comunicao orientada por um cdigo, ou uma comunicao que afirma uma atribuio dos valores de acordo com o direito [Recht] e contrrio ao direito [Unrecht]; com efeito, apenas uma tal comunicao procura e afirma uma conexo recorrente no sistema jurdico () (Das Recht der Gesellsc