TEXTO DISSERTATIVO- ?· Argumentação nos textos dissertativos O que se faz num texto dissertativo…

Embed Size (px)

Text of TEXTO DISSERTATIVO- ?· Argumentação nos textos dissertativos O que se faz num texto...

  • TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO

    Professor Marlos Pires Gonalves

    1

  • DISSERTAR um ato que desenvolvemos todos os dias, quando:

    procuramos justificativas:

    para a elevao dos preos;

    para o aumento da violncia;

    para os descasos com a Amaznia;

    estamos preocupados com:

    os descasos com a Amaznia;

    as guerras;

    as doenas da modernidade;

    a natureza: a poluio, os desmatamentos, o aquecimento global

    2 Professor Marlos Pires Gonalves

  • defendemos nossos pontos de vista em relao:

    nossa liberdade;

    ao futebol;

    msica;

    ao aborto;

    s injustias sociais;

    ao avano da tecnologia;

    gentica.

    3 Professor Marlos Pires Gonalves

  • Em suma, dissertao implica em discusso de ideias, argumentao, raciocnio, organizao de pensamento, defesa de pontos de vista, descoberta de solues. Significa refletir sobre ns mesmos ou sobre o mundo que nos cerca.

    O TEXTO DISSERTATIVO aquele que expressa uma TESE (um ponto de vista) sobre determinado ASSUNTO, apoiada em dados, fatos (exemplos), fundamentaes; enfim, em ARGUMENTOS (informaes que comprovem sua tese).

    4 Professor Marlos Pires Gonalves

  • TEXTOS DISSERTATIVOS

    Expositivo Explicativo

    Objetiva expor, explicar ou interpretar ideias.

    Gneros predominantes: Captulos de livros didticos

    Verbetes de dicionrios

    Enciclopdias

    Argumentativo

    Objetiva expor um ponto de vista, opinando ou persuadindo.

    Gneros predominantes: Editorial

    Artigo

    Crtica

    Monografia

    Tese

    5 Professor Marlos Pires Gonalves

  • Vamos partir do princpio de que escrever comunicar, transmitir uma mensagem ao leitor. Portanto, quem quer comunicar e ser bem compreendido precisa ser claro, bem organizado nos seus atos de comunicao.

    6 Professor Marlos Pires Gonalves

  • REDAO

    Requisitos bsicos para produo de um texto:

    - ter domnio do idioma;

    - conhecer o assunto a ser tratado;

    - conhecer as tcnicas.

    7 Professor Marlos Pires Gonalves

  • - seleo das informaes;

    - organizao das informaes.

    PRODUO DAS IDEIAS

    8 Professor Marlos Pires Gonalves

  • ESTRUTURA

    Um texto dissertativo precisa ter uma estrutura bem organizada. Por isso, os maiores problemas de um texto dissertativo so:

    - jogar as ideias desordenadas no papel;

    - falta de uma linha de raciocnio (coerncia);

    - no relacionar uma ideia com outra (coeso);

    - no provar absolutamente nada.

    9 Professor Marlos Pires Gonalves

  • Ento, como seria um texto bem organizado?

    Organiza-se em trs partes:

    INTRODUO normalmente apresenta a ideia central que vai ser discutida, de modo que o leitor saiba de que o texto vai tratar, alm da e a tese do autor. Corresponde, geralmente, a um pargrafo.

    10 Professor Marlos Pires Gonalves

  • DESENVOLVIMENTO a parte encarregada pelo desdobramento da ideia central. Corresponde exposio dos argumentos que comprovam o ponto de vista contido na introduo. Pode haver mais de um pargrafo, dependendo da quantidade de linhas disponveis.

    11 Professor Marlos Pires Gonalves

  • CONCLUSO: o acabamento da redao, parte que amarra o texto. E no deve ser iniciada abruptamente, assim como, tambm no pode ser acabada de sbito.

    Pode funcionar de trs maneiras: Retomada da tese inicial, a fim de confirm-la;

    resumo das ideias principais apresentadas e discutidas;

    Sugesto de solues para a resoluo da problemtica abordada.

    12 Professor Marlos Pires Gonalves

  • ARGUMENTOS DISSERTATIVOS

    Argumentar convencer ou tentar convencer algum a respeito da veracidade das ideias que estamos veiculando.

    o procedimento usado para convencer o leitor de que nossa posio a correta e para lev-lo a dar sua adeso s teses defendidas pelo texto.

    13 Professor Marlos Pires Gonalves

  • Como se faz uma boa argumentao?

    1o preciso ter bem claro o que queremos dizer delimitar bem o assunto;

    2o formular ideias tambm claras sobre o assunto delimitado;

    3o estruturar essas ideias com frases bem formuladas;

    4o tentar provar cada ideia argumento por meio da evidncia do raciocnio e das provas.

    14 Professor Marlos Pires Gonalves

  • RECURSOS LINGUSTICOS USADOS PARA CONFIRMAR A VALIDADE DAS IDIAS:

    Argumentos de autoridade: citar autores renomados d credibilidade sobre um ponto de vista.

    Argumentos baseados no consenso: citar proposies aceitas como verdadeiras, numa certa poca.

    15 Professor Marlos Pires Gonalves

  • Argumentos baseados em provas concretas: apoiar as posies pessoais em fatos. Comprov-las por dados pertinentes e adequados.

    Argumentos com base nas relaes de causa e consequncia.

    Argumentos baseados em exemplos.

    Argumentos baseados em oposio: apontar oposies entre ideias e fatos.

    Argumentos baseados em semelhanas; aproximar dois elementos com base na semelhana entre eles.

    16 Professor Marlos Pires Gonalves

  • Argumentao nos textos dissertativos

    O que se faz num texto dissertativo explicar o assunto,

    discorrer sobre ele, fazer uma exposio do tema. No se deve ter como nica preocupao, persuadir o leitor e sim, passar as informaes que se pretende - passar conhecimentos verdadeiros, e dessa forma se tornar convincente.

    Diante do tema, o autor deve se posicionar acerca do assunto e, atravs dos seus argumentos, mostrar o seu conhecimento de mundo com clareza, com domnio da lngua, selecionando os contedos pelos seus valores reais, organizando-os de forma coesa e mantendo coerncia entre os assuntos, os quais sero fechados na concluso, completando assim, o ponto de vista inicial.

    17 Professor Marlos Pires Gonalves

  • A linguagem do texto dissertativo

    A linguagem neste tipo de texto denotativa, isto , preocupada com a informao. Deve ser uma linguagem impessoal e objetiva, com emprego da forma culta e formal da lngua.

    Isto no significa que no se pode usar recursos poticos, histricos e recursos lingusticos. Todo enriquecimento do texto importante.

    18 Professor Marlos Pires Gonalves

  • LEMBRE-SE:

    Nem todos os textos dissertativos que circulam seguem esta estrutura, porm trata-se de uma maneira clara e compreensvel de se expressar e produzir textos com:

    Clareza

    Conciso

    Coerncia e coeso

    Elegncia

    19 Professor Marlos Pires Gonalves