Curso Basico e Pratico de Homiletica

Embed Size (px)

Text of Curso Basico e Pratico de Homiletica

  • CURSO BSICO E PRTICO DE HOMILTICA

    MANUAL DO PREGADOR

    O AUTOR

    Ronaldo Gomes da Silva

    Formado em teologia pelo seminrio teolgico Boas Novas, leciona a disciplina homiltica desde 1997.

    Professor, bilogo especializado na rea de educao pela Universidade Federal Fluminense. Mantm na internet o site www.homiletica.hpg.com.br, onde disponibiliza material sobre o

    assunto.

    Ronaldo Gomes da Silva

  • 2

    AGRADECIMENTOS

    Aos meus pais que so benos de Deus em minha vida.

    Aos meus irmos Ivair e Edilaine que sempre me apoiaram.

    Minha esposa minha auxiliadora.

  • 3

    CONTEDO

    INTRODUO

    PARTE I DEUS, PREGADOR E O OUVINTE

    INTRODUO AO ESTUDO DA HOMILTICA ...............................................................5 DEUS, A PALAVRA E O MINISTRO.....................................................................................5 QUANDO DEUS FALA (OBJETIVO E ASSUNTO) ....................................................................7

    PARTE II A PALAVRA DE DEUS - O SERMO

    NA PONTA DO LPIS (ESTRUTURA DO SERMO) .............................................................10 EST ESCRITO ! (TEXTO BBLICO) ..................................................................................11

    A MENSAGEM ... (TEMA) ................................................................................................12 PREPARANDO O OUVINTE. (INTRODUO DO SERMO) .................................................17 PREGANDO A PALAVRA. (CORPO DO SERMO) ..................................................................19 A MELHOR FORMA DE PREGAR A PALAVRA. (TIPOS DE SERMOS) ..............................21 ENFIM, A PALAVRA DIZ... (CONCLUSO) ...................................................................22 UM CONVITE DIFERENTE (APELO) ......................................................................................23

    PARTE III COMUNICANDO - APRESENTAO DO SERMO

    UM PASSEIO PELA PALAVRA. (SERMO TEMTICO) ....................................................25 ASSIM DIZ AS ESCRITURAS ! (SERMO TEXTUAL) ..................................................26 UMA AULA DE BBLIA. (SERMO EXPOSITIVO) .............................................................27 A POSTURA DO SERVO DE DEUS. (TICA NO PLPITO) ..............................................28 COMO FALAR E SER ENTENDIDO. (COMUNICAO) ....................................................29

    REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS

  • 4

    APRESENTAO

    Pregadores, seminaristas, pastores, lderes, professores, leigos e todos aqueles que de uma forma ou de outra, anunciam a palavra de Deus, a pequenos ou grandes auditrios, disponibilizamos, neste livro, noes bsicas de homiltica para estruturao de palestras ou sermes claros, objetivos e convincentes.

    uma obra sinttica e prtica. A linguagem moderna e simples, sem termos tcnicos ou conceitos pomposos. Na verdade um manual, que mescla a formalidade da homiltica com a objetividade da comunicao de hoje.

    Um trabalho desvinculado de denominao. Seu contedo pode ser aplicado em diferentes momentos e situaes.

    Por ser simples e direto este manual pode ser largamente explorado por, apresentar atividades prticas e exerccios para serem desenvolvidos em seu cotidiano.

    Assumir o plpito e manter o auditrio atento tem sido um desafio para os pregadores, sobretudo diante de platias jovens. Vivemos em um momento social de grandes transformaes tecnolgicas que implicam em transformaes na mdia. A imagem tem prevalecido sobre a oratria. A ansiedade faz com que a ateno das pessoas se desvie facilmente, perdendo assim o poder de concentrao. Contudo, objetivamos neste trabalho, instrumentalizar o leitor com um potencial tcnico, dicas e os principais fundamentos da homiltica para envolver os ouvintes em sua mensagem. H, entretanto, a necessidade do pregador a cada dia ter mais comunho com Deus e vida no altar, por isso, na primeira parte apresentamos a origem da homiltica e a relao que o pregador deve ter com Deus para que possa ser por Ele usado como est escrito em II Tim 2:15 Procura apresentar-te diante de Deus aprovado, como [obreiro] que no tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade. Na Segunda parte o leitor vai saber como deve ser a forma do sermo e como desenvolver o seu estilo prprio. Aqui voc aprender a organizar o sermo, criar temas, retirar idias do texto etc. A fala, a voz, o comportamento do auditrio, a tica no plpito e preparo intelectual do pregador so assuntos abordados na terceira parte, onde voc ir aprender algumas tcnicas de comunicao e como deve ser a relao entre o pregador e o auditrio. importante que voc se empenhe em fazer as atividades propostas. Isso uma forma de aprimorar sua tcnica e desenvolver a criatividade. Faa-as juntamente com outros irmos e nunca esteja satisfeito com o que produziu, queira sempre produzir mais. Tenho dedicado esta obra a voc, que tem por misso pregar a palavra de Deus. A minha orao para que de sua boca saia palavras que possam abenoar este mundo carente de Deus. A sua satisfao com esta obra o cumprimento de parte de minha misso com Deus.

  • 5

    PARTE I

    AS TRS VRTICES DO TRINGULO

    DEUS

    Pregador Ouvinte/comunidade

  • 6

    INTRODUO AO ESTUDO DA HOMILTICA

    CONCEITOS BSICOS

    HOMILTICA: a cincia que estuda os princpios fundamentais do discurso em pblico, aplicados na proclamao do evangelho. Este termo surgiu durante o Iluminismo, entre os sculos XVII e XVIII, quando as principais doutrinas teolgicas receberam nomes gregos, como, por exemplo, dogmtica , apologtica e hermenutica.

    As disciplinas que mais prximas da homiltica so a hermenutica e exegese, estas se complementam. HOMILETIKE (Grego) ensino em tom familiar. HOMILIA (do verbo homileo ) Pregao crist, nos lares em forma de conversa. PREGAO Ato de pregar a palavra de Deus.

    Pregao o ato de pregar a palavra de Deus. Pregador (aquele que prega), vem do latim, prae e dicare anunciar, publicar. A palavra grega correspondente a pregador Keryx, arauto, isto , aquele que tem uma mensagem (Kerygma) do reino de Deus, uma boa notcia, uma boa-nova evangelho, evangelion.

    A homiltica a teoria e a prtica da pregao do evangelho. O termo Martyrein, significa testemunhar, testificar, ser testemunha. Jesus falou com seus discpulos para serem suas testemunhas (Atos 1:8), entretanto era preciso ficar em Jerusalm para receber o poder do Esprito Santo e, assim, poderiam anunciar o evangelho.

    DEUS, A PALAVRA E O MINISTRO

    Antes de continuar este estudo medite nos seguintes versculos:

    I Cor 7:7 ...mas cada um tem de Deus o seu prprio [dom], um deste modo, e outro daquele.

    I Pe 4:10 servindo uns aos outros conforme o [dom] que cada um recebeu, como bons despenseiros da

    multiforme graa de Deus.

    I Cor 12: 4 12 Ora, h diversidade de dons, mas o Esprito o mesmo. E h diversidade de ministrios, mas o Senhor o mesmo. E h diversidade de operaes, mas o mesmo Deus que opera tudo em todos. A cada um, porm, dada a manifestao do Esprito para o proveito comum. Porque a um, pelo Esprito, dada a palavra da sabedoria; a outro, pelo mesmo Esprito, a palavra da cincia; a outro, pelo mesmo Esprito, a f; a outro, pelo mesmo Esprito, os dons de curar; a outro a operao de milagres; a outro a profecia; a outro o dom de discernir espritos; a outro a variedade de lnguas; e a outro a interpretao de lnguas. Mas um s e o mesmo Esprito opera todas estas coisas, distribuindo particularmente a cada um como quer. Porque, assim como o corpo um, e tem muitos membros, e todos os membros do corpo, embora muitos, formam um s corpo, assim tambm Cristo.

    DOM Ddiva, presente; Qualidade inata; Mrito, merecimento; Poder. TALENTO Dom natural ou adquirido; Inteligncia excepcional. HABILIDADES Aptido; Capacidade para algo. TCNICA Conjunto de processos de uma arte.

    (Minidicionrio da lngua portuguesa Aurlio B. Holanda Ferreira)

    Deus tem preparado e escolhido pessoas, por meio do Esprito Santo, para realizao de obras especficas. Ele fala atravs daqueles que tenham um mnimo de alfabetizao, mas, tambm fala atravs de pessoas capacitadas e dotadas de dons, tcnicas, habilidades e talentos. Se quiser atravessar fronteiras levando a palavra de Deus, preciso ter certeza de que recebeu o Dom e talento para faz-lo. Antes de ir preciso ficar (Atos 1:8), se preparar e se transformar.

  • 7

    De outro modo, o ministrio de msica pode estar precisando de voc. Talvez o servio administrativo tenha espao para um administrador como voc? Algum precisa alavancar o ministrio de orao. Aprenda a pregar, mas esteja certo de seu lugar. Quem voc? Se ainda no respondeu esta pergunta a si mesmo, no tem base para tomar decises sobre sua vida. Voc um ser criado por Deus. Voc tem talentos e habilidades inerentes. Eles so presentes de Deus. A realizao do plano de Deus a razo da nossa vida. Faa um inventrio realista da sua despensa pessoal e veja como pode realizar a vontade de Deus. Voc conhece a amplitude das suas possibilidades? Para que acha que Deus o est chamando? Pegue um lpis e papel e comece agora. Descubra os seus dons espirituais e registre o objetivo de sua vida; Relacione as suas habilidades e como elas podem abenoar as pessoas; Ore e caminhe em direo ao que Deus colocar em seu corao; Reorganize sua vida profissional, horrios, dinheiro e compromissos, de tal forma que possa servir ao Senhor; Espere oposio e dificuldades pronto para ultrapass-las e , enfim, faa alguma coisa.

    VIDA NO ALTAR

    Baseando-se em trs passagens da vida de Pedro podemo