Click here to load reader

Olhares nº43

  • View
    222

  • Download
    2

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Jornal Olhar(ES) da Escola Secundária Dr. João Manuel da Costa Delgado - dezembro de 2014

Text of Olhares nº43

  • Nesta edio

    Biblioteca e Leituras

    Somos profissionais

    [email protected]

    Comenius

    Dia do Diploma

    RX sobre a Lourinh

    Campanhas AE

    Desporto

    p. 2

    p. 3

    p. 6

    p. 6

    p. 7

    p. 8

    p.10

    p. 12

    ESCOLA SECUNDRIA Dr. JOO MANUEL DA COSTA DELGADO

    No dia 28 de novembro de 2014, sexta-feira, no Auditrio da A.M.A.L., teve lugar a

    cerimnia anual de entrega dos Diplomas e Prmios de Mrito e Excelncia aos alunos do Agrupamento, assim como os Diplomas de concluso do Ensino Secundrio, relativos ao ano letivo 2013/2014. p. 7

    DIA DO DIPLOMA

    No passado dia 9 de dezembro, a Esco-la Secundria, juntamente com 29 outras es-colas do pas que tambm integraram o pro-jeto, esteve no Salo Nobre da Faculdade de Letras da Universidade do Porto a apresentar os seus Media. O projeto, que tem como grande objeti-vo educar para a preveno e mitigao das alteraes climticas atravs dos media esco-lares, assenta em duas grandes vertentes: a criao de recursos mediticos, suportados no conhecimento cientfico, para a aprendizagem das alteraes climticas e a proposta a con-curso de um projeto de preveno e/ou mitiga-o das mesmas na regio. O [email protected] um projeto multi-disciplinar que, em termos universitrios, en-volve as Faculdades de Letras e de Cincias

    da Universidade do Porto e, a nvel do ensino secundrio, to-das as disciplinas ou reas do conhecimento relacionadas, de alguma forma, com a temtica. O projeto chegou at ns atravs da Direo de Servios de Projetos Educativos, da DGE, de cuja plataforma o bole-tim Olhar(ES) faz parte. Reconhecendo grandes potencialidades no [email protected] e considerando-o uma mais-valia para a escola, desde logo, o Olhar(ES) e a Geografia decidiram avanar, no que foram plenamente apoi-ados pela Direo do Agrupamento. Aproveitamos, agora, esta edio do boletim para divulgar um pouco o [email protected] e convidar todos os docentes e alunos a refletirem sobre a pertinncia de integrarem o mesmo, tendo em conta a relao deste com as suas disciplinas ou os seus interesses pesso-ais. p. 6

    Secundria integra Projeto [email protected] em parceria com Universidade do Porto

    Olhar(es) digital : www.aelourinha.pt

    dezembro de 2014 Publicao trimestral

    N. 43

    Coordenao: Isabel Vaz Ana Ribeiro

  • Editorial de Natal

    A Quadra Natalcia espe-cial para todos. Crentes e no-crentes experi-mentamos, neste

    tempo, emoes mais inten-sas e, particularmente, aque-las que nos ligam ao prximo e nos tornam iguais na mes-ma condio. O Menino, imagem de criana frgil, pura e to hu-milde, no deixa de nos en-ternecer a todos e de nos motivar a olhar com mais ateno e carinho para os nossos semelhantes, sobre-tudo, aqueles para os quais as nossas aes podem fa-zer a diferena. O Olhar(ES) deseja que toda a comunidade es-colar consiga experimentar a felicidade de amar o prxi-mo. Aproveitamos para deixar um agradecimento especial a todos os docentes e alunos que tm colaborado com o Olhar(ES) e com a Biblioteca para que ela pos-sa cumprir o melhor possvel o seu grande objetivo de criar o gosto pelo livro e pela leitura. Muito obrigado! Sozi-nhos, nada somos, nada conseguimos. Juntos, faze-mos melhor. Tambm fica uma pa-lavra de carinho e amizade para a dinamizadora do Olhar(ES), prof. Isabel Vaz, que se encontra a recuperar a sua sade. Que fique bem e volte para esta casa, para esta famlia, que sua, e para o Olhar(ES). A todos, um Santo Natal e um Feliz Ano Novo.

    BIBLIOTECANDO Ao longo deste primeiro trimestre, a Biblioteca Escolar tem sido um espao de experincias mltiplas e diversificadas: Os alunos de Artes Visuais tm conferi-do cor e arte biblioteca, mantendo continua-mente exposies constitudas pelos traba-lhos, em vrias tcnicas, que vo desenvol-vendo nas suas aulas. As alunas do C.P. de Tcnico de Apoio Infncia muniram-se de pacotes tetra-pak, tecidos, tesouras e colas e estiveram na biblioteca a dinamizar um workshop de cria-o de originais carteiras. Em outubro, a biblioteca assumiu a construo do espao representativo do AEL no Festival da Abbora: objetos integrantes de projetos dos vrios cursos e duas apresen-taes digitais com as principais valncias, projetos e atividades do Agrupamento compu-seram um espao pequeno, mas ilustrativo do que de qualidade se faz na escola. Ainda neste ms, recebemos, no Re-guengo Grande, a escritora Isabel Pinto, que contou a sua histria, A Ovelha que fazia Mu, s crianas do Pr-escolar e do 1 ano do Reguengo, do Moledo e de S. Bartolomeu. A terminar o ms, o Halloween, as his-trias do horrvel e as dentaduras chegaram aos alunos dos 1, 2 e 3 anos do Reguengo, pela mo das alunas do C.P. de Apoio In-fncia. Como no podia deixar de ser, aps uma histria de um lobo mau com dor de den-tes e a recordao das regras de higiene den-tria pela Tcnica de Sade Oral do Centro de Sade da Lourinh, Dr. Sofia (ex-aluna da Escola Secundria), a construo de uma dentadura com dentes banquinhos, mas bem afiados, e a receo do presente - o kit de higiene oral do projeto SOBE (Sade Oral e Biblioteca Escolar). Em novembro e dezembro, a promo-o da leitura na nossa biblioteca estendeu- -se, uma vez mais, aos mais pequenos. Os alunos do 1 e do 2 ano das EB de Atalaia, Marteleira e Cabea Gorda foram convidados da Biblioteca e das alunas de Apoio Infncia e de Animao Sociocultural: as histrias e as atividades decorrentes, em termos de expres-ses plstica, musical, corporal, envolveram e animaram as crianas. Algumas destas ativi-dades concretizaram tambm os objetivos do projeto SOBE, pelo que as crianas levaram como presente o Kit de higiene oral . Em dezembro, na semana de 1 a 5, os livros invadiram a escola na j tradicional Fei-ra do Livro. A, foi possvel encontrar literatura para todos os gostos e carteiras. Para alm

    dos livros, o espao da Feira contou com ou-tras vendas que o tornaram ainda mais apela-tivo e dinmico: caixas decoradas pelas alu-nas do C.P. de Animao Sociocultural; deco-raes de Natal, bijuteria, objetos vrios e postais, tudo elaborado no mbito do Curso de Artes Visuais e com o objetivo de angariar fundos para a viagem a Barcelona. Nas bibliotecas de 1 Ciclo, a vida tam-bm no tem sido propriamente montona: na Biblioteca da EB do Reguengo Grande, a prof. Fernanda Figueira garante o atendi-mento s crianas, comemora os dias festivos e dinamiza a Hora do Conto, entre outras ati-vidades; nos polos da Biblioteca Escolar das EB de Atalaia e Moita dos Ferreiros, para alm da utilizao autnoma pelos docentes com as suas turmas, a professora Ana Lusa Rodrigues assegura a abertura de cada um dos espaos em duas longas manhs por semana. Nestas manhs, promove atividades de leitura, em articulao com os docentes. Para alm disso, a mesma docente ainda as-segura a receo, pelas escolas/turmas inte-ressadas, de uma maleta de livros, sempre renovvel, para leitura na escola ou domicili-ria. a forma que a Biblioteca Escolar encon-tra de fazer chegar os livros s escolas que dispem de poucos recursos. Ainda neste perodo, decorreram as eliminatrias para o concurso de leitura Speedbooking, cuja final ser na Semana da Leitura. Este concurso uma atividade em articulao com a Biblioteca Escolar do Agru-pamento D. Loureno Vicente e tem como pblico-alvo os alunos do 3 ano. O nosso Agrupamento vai participar com concorrentes das EB de Atalaia, Moita dos Ferreiros e S. Bartolomeu. No incio do prximo perodo, destaca-mos o concurso Faa l um poema, do Plano Nacional de Leitura em articulao com o Centro Cultural de Belm, que procura desco-brir e premiar os autores incgnitos que fre-quentam as turmas do 1 Ciclo ao Secund-rio. Na ltima semana de janeiro, convida-mos toda a comunidade educativa do Agrupa-mento a passar pela Biblioteca para apreciar 20 rplicas de obras do Museu do Prado, ce-didas pelo mesmo. A terminar, no podemos deixar de vos convidar a passar pela Biblioteca e a requisi-tar boas leituras para a interrupo fria que se avizinha. Deixamos aqui nesta pgina algu-mas ideias - so as nossas aquisies mais recentes.

    Prmi

    o Leya

    2014

    2

  • Somos PROFISSIONAIS S. Martinho na Biblioteca

    No passado dia 12 de no-

    vembro, a Biblioteca da Escola Secund-

    ria viveu momentos de muita animao e

    alegria, justificados pela visita de alguns

    dos seus futuros utilizadores os alunos

    do 1 e 2 anos da EB de Atalaia e da

    Unidade de Multideficincia.

    A comemorar o S. Martinho, as

    alunas do C.P. de Tcnico de Apoio

    Infncia, orientadas pelas suas professo-

    ras, dinamizaram atividades de anima-

    o de leitura, de expresso plstica e

    musical. "A Castanha Lili" foi a histria

    escolhida que motivou, posteriormente, a

    criao de divertidas castanhas pelos

    alunos mais novos, acompanhados pelas

    suas colegas mais velhas, e a cano e

    dana de um tema alusivo quadra festi-

    va.

    AN

    IMA

    O S

    OC

    IOC

    ULT

    UR

    AL

    E

    A

    PO

    IO

    IN

    F

    NC

    IA

    No decorrer da atividade, a Biblio-

    teca ainda recebeu a visita das alunas do

    C.P. de Tcnico de Animao Sociocul-

    tural, que proporcionaram duas danas

    tradicionais e ofereceram castanhas po-

    ticas aos presentes.

    As crianas, felizes, brindaram

    todos com a sua alegria contagiante, os

    seus sorrisos e as suas palmas.

    Foi uma manh diferente para to-

    dos: para os nossos visitantes que, para

    alm de conhecerem a escola, viveram

    divertidos e enriquecedores momentos

    na Biblioteca; para as nossas alunas dos

    Cursos Profissionais, porque tiveram a

    oportunidade de colocar em prtica os

    conhecimentos que vo adquirindo e de

    contatar c