Palestra sobre fluxo de caixa

  • Published on
    06-Jun-2015

  • View
    2.813

  • Download
    3

Embed Size (px)

Transcript

  • 1. 00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 1 2 45

2. 00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11CENTRO UNIVERSITRIO SENAC PS-GRADUAO EMCONTROLADORIA E FINANAS 1 2 22/03/20132013 45 3. Gerenciando o Fluxo de Caixa com Eficincia00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 12 45O Caixa o Rei 4. Palestrante: Lus Valini Tcnico Contbil - Administrador de Empresas pela Universidade de Ribeiro Preto -00 1 1 0 01 0 1Ps0- 110 1 00 01 01 00 10 1101 graduado em Administrao de Empresas - Ps-graduado em Economia e Finanas - MBA em Finanas Empresariais MBA em Marketing pela Fundao Getlio Vargas Experincia profissional de 28 anos como executivo e consultor em empresas dos segmentos alimentcios, metalrgicas, indstrias grficas, empresas de distribuio, varejistas, shopping centers, servios e empresas de informtica, atuando nas reas 1 2 econmico-financeiras, projetos de investimentos, implantao de administrao e planejamento estratgico, BSC, implantao de sistemas de informtica, diagnsticos e auditorias gerenciais, implantao de departamentos de controladoria, avaliao de empresas Valuation, reestruturao de empresas, businesss planning, recuperao judicial e extrajudicial. Coordenador dos cursos de45 Ps-graduao de Controladoria e Finanas, Gesto Estratgica de Pessoas, Logstica, Administrao Hoteleira no Senac - Ribeiro Preto desde 2010 alm de professor das disciplinas de Finanas Corporativas, Gesto Estratgica de Custos, Planejamento Empresarial, Gesto Estratgica, Matemtica Financeira e Anlise de Investimentos dentre outras. Tambm Diretor da empresa da empresa de consultoria de Valini & Associados. 5. Avisos A inteno dessa palestra fornecer orientaes sobre as00 1 1 0 01 0 1melhores00 01 01 00 de 11 01 0 110 1 prticas 10 gesto de fluxo de caixa. O contedo desta palestra deve ser utilizado para fins de informao geral e no constituem qualquer conselho legal ou outro profissional sobre qualquer assunto. Se a ajuda 12 profissional necessria, os servios do profissional adequado devem ser procurados. A aplicao destas prticas depender da empresa que45 trabalha, dos profissionais, dos sistemas, do porte, do estilo de gesto, do ramo de atividade e tambm da qualificao dos profissionais. Nossa inteno despertar a conscincia de que sempre podemos fazer melhor do que estamos fazendo hoje. 6. O Caixa o Rei00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 111245 Disponibilidade de caixa a fora vital da organizao. Com ele, e assumindo que haja boa gesto econmica e uma operao eficiente, uma empresa pode crescer e prosperar. Sem ele a organizao pode perecer. Como a ausncia de gua para qualquer coisa viva fundamental, a ausncia de dinheiro no negcio significa a morte lenta, tortuosa, fisicamente dolorosa e mentalmente angustiante. 7. Provrbio Dinheiro coisa do diabo!00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 1 2 Mas se quiser conhecer o inferno, bastaficar sem ele!!! 45 8. Provrbio brasileiro Quando a fome bate a porta...00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 1 2 O amor sai pela janela!!! 45 9. Logo... Uma boa gesto financeira.....00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 1 2 fundamental!!! 45 10. 00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 1 2 45 11. Pontos importantes Empresa feliz uma empresa prspera, com resultados e00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11fluxo de caixa positivo. Se uma empresa no gera fluxos de caixa positivos,dificilmente ficar no negcio. Gerar caixa necessrio mas, como gerar este caixa 12mais importante. A sobrevivncia de uma empresa somente ser atingvelquando houver o pleno atendimento ao cliente o 45recebimento da venda e o lucro da venda efetivada. Fique de olho no seu caixa. Esquea o lucro que jpassou. 12. Pontos importantes Os princpios bsicos dos negcios devem guiar a gesto00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11do caixa. Dinheiro o combustvel que alimenta uma empresa. Gerenciar uma empresa significa gerenciar seu caixa. 2 R$ 1.000,00 hoje diferente de R$ 1.000,00 daqui a umms. Custo de oportunidade.145 13. 00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 1 2 45 14. Questes operacionais importantes Do que fao ou conheo em minha empresa responda:00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Com quantos bancos eu trabalho? Por que? Eu concilio meus extratos diariamente? Classifico as despesas corretamente? Possuo um bom sistema informatizado de gesto? 1 2 Baixo meus recebimentos e pagamentos diariamente? Possuo uma poltica de crdito adequada? Possuo uma poltica de prazos de pagamento adequado?45 As despesas pessoais da diretoria so pagas com o caixa da empresa em qualquer data? Apuro meus resultados mensalmente? As informaes em meu sistema so confiveis Possuo bom relacionamento com meus bancos parceiros? 15. Questes operacionaisimportantes Tenho bom relacionamento com meus pares?00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Acompanho as tarifas debitadas em minha conta corrente? Tenho bons limites de crdito para atender as necessidades decurto e longo prazo? Quando a empresa vai investir, ela utiliza dinheiro do capital de giro 2da empresa? Qual o horizonte do fluxo de caixa que trabalho? 1 Possuo muitas planilhas para controlar meu financeiro? Acompanho minhas compras e vendas diariamente? 45 Meus cadastros possuem informaes consistentes? Gerencio bem o meu estoque? Possuo polticas definidas para cobrana? 16. Questes operacionaisimportantes Conheo a sazonalidade das vendas?00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Conheo o perfil de compras da minha empresa? Conheo o processo produtivo da minha empresa? Qual o caixa suficiente para minhas operaes? Qual o caixa que devo considerar excedente s minhas 12operaes? Possuo polticas de gastos para pagamento de despesas? Como trato adiantamento de clientes e fornecedores? ?????45 Se suas respostas foram na sua maioria negativas ou voc desconhece, com certeza voc deve estar com dificuldades de entender a gesto de caixa de sua empresa 17. O Papel doGestor Financeiro O papel do Gestor Financeiro de suma importncia para00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11as organizaes, alm do papel pagador e recebedor, elese ocupa da gesto dos processos econmicosfinanceiros, interpretando dados contbeis, utilizandoferramentas financeiras cabveis, auxiliando na tomada de1 2decises, assim aumentando gerao de caixa eproporcionando lucro.45 18. Qual o papel darea financeira? Relacionar-se e assessorar outros departamentos.00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Criar padres. Delegar o poder de deciso nos planejamentos criando um ambiente de corresponsabilidade. Simplificar os processos oramentrios.12 Concentrar-se apenas em mtricas importantes. Atrair e manter os melhores profissionais e montar a45 equipe correta: so essas pessoas que conhecem o negcio, podem atingir nveis analticos altos e so capazes de contribuir com ideias de melhorias. Reduzir o trabalho que no agrega valor e que tanto frustra os gestores e desenvolver sua capacidade analtica e de tomada de deciso. 19. Qual o papel darea financeira? Administrao de caixa00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Administrao de credito e cobrana Administrao de risco Administrao de cambio 2 Deciso de financiamento Deciso de investimento Destino dos lucros 1 45 Planejamento e controle financeiro Proteo de ativos Relao com acionistas e investidores Relao com bancos Gesto de Riscos Ficar atento possveis fraudes 20. Segmentos de decises financeiras Deciso de investimento00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Deciso de financiamentos12 Destinao de lucros 45 21. A ausncia da administrao financeira pode causar!!! Descontrole financeiro (caixa, estoques, contas a receber,00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11contas a pagar), por no fazer os registros dasinformaes de forma correta. Desconhecer se a empresa possui lucro ou prejuzo. Possibilidade de estar calculando os preos de forma 12errada. Desconhecer oque se recebe e oque se paga.45 Desconhecer o valor da empresa. Desconhecer os custos fixos e variveis. Desconhecer como podemos administrar melhor o Capitalde giro. No fazer o planejamento financeiro da empresa. Perdas. Prejuzos/Desvios/Roubos. 22. 00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 FINANASESTRATGIA DAEMPRESA 12 45EXCESSO DEINFORMAES E INDICADORES INTEIS 23. FLUXO DE CAIXA00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 1 2 45 24. Fatores que afetam oFluxo de Caixa Fatores Internos00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Aumento no prazo mdio de vendas. Compras que no esto de alinhadas com a projeo de vendas.1 2 Diferenas significativas entre o prazo mdio de recebimento e pagamento. Ciclo de produo muito longo que no esto em 45 consonncia com os prazos mdios de recebimentos e pagamentos a fornecedores. Poltica salarial incompatvel. Distribuio de lucros incompatveis. Custos financeiros altos originrios de endividamento. Ociosidade fabril. 25. Fatores que afetam oFluxo de Caixa Sazonalidade das vendas00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Variaes inesperadas nas vendas Vendas fracas A maior ameaa potencial para 12 fluxo de caixa ocorre durante o crescimento rpido Conflitos entre as polticas de crdito e cobrana Desperdcios de produo45 Falta de controle de gastos de overhead Margens de contribuio negativas Distores relevantes de Mix de Produtos Erros em clculos de formao de preos 26. Fatores que afetam oFluxo de Caixa Fatores externos00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 Inflao Elevao das taxas de juros Nvel de preo 1 2 Diminuio de venda em virtude da retrao de mercado Novos concorrentes 45 Mudanas na alquotas de impostos Aumento do nvel de inadimplncia 27. Fluxo de Caixa00 1 1 0 01 0 1 01 0 110 1 00 01 01 00 10 11 ENTRADASSADAS Vendas a vista Fornecedores Recebimentos parcelados Salrios Inadimplncia Impostos12 Vendas ativo permanente Despesas administrativas Receita financeira Juros sobre emprstimos