Guia pratico da_efd_versao_2_0_4

Embed Size (px)

DESCRIPTION

guia do sped

Text of Guia pratico da_efd_versao_2_0_4

  • 1. Guia Prtico EFD Verso 2.0.4Atualizao: 11 de maro de 2011GUIA PRTICO DA ESCRITURAO FISCAL DIGITAL - EFDCaptulo I Informaes gerais sobre a EFDSeo 1 ApresentaoSeo 2 LegislaoSeo 3 Da apresentao do arquivo da EFDSeo 4 Periodicidade das informaesSeo 5 Da assinatura com certificado digitalSeo 6 Da prestao e da guarda de informaesSeo 7 Outras InformaesSeo 8 Cpia de Segurana, Exportao de TXT e o Arquivo Original da EFDSeo 9 Importao de blocos da EFDCaptulo II Informaes para gerao dos arquivos da EFDSeo 1 Dos blocos e registros da EFD Alteraes leiaute 2010.Seo 2 Registros a serem apresentados conforme perfil do declarante.Seo 3 Preenchimento de campos.Seo 4 Detalhamento dos registros que compem a EFD. Objetivos, campos.Seo 5 Obrigatoriedade dos registrosSeo 6 Tabelas utilizadas pelo Programa de Validao e Assinatura.Seo 7 Relao dos e-mails corporativos.Seo 8 Informaes sobre a lentido e indisponibilidade de transmisso da EFD.Alteraes do Guia Prtico da EFD. Pgina 1 de 1621162

2. Guia Prtico EFD Verso 2.0.4Atualizao: 11 de maro de 2011 GUIA PRTICO DA ESCRITURAO FISCAL DIGITAL EFDConforme Ato COTEPE/ICMS n 09, de 18 de abril de 2008 e suas atualizaes.Captulo I Informaes gerais sobre a EFDSeo 1 ApresentaoEste Guia Prtico visa a orientar a gerao, em arquivo digital, dos dados concernentes Escriturao FiscalDigital (EFD) pelo contribuinte do ICMS e/ou IPI, pessoa fsica ou jurdica, inscrito no cadastro de contribuintes dorespectivo rgo fiscal e esclarecer aspectos referentes apresentao dos registros e contedo de alguns campos, estruturae apresentao do arquivo magntico para entrega ao Fisco, na forma do Ato COTEPE/ICMS N 09, de 18 de abril de 2008e suas atualizaes.Este documento no pretende contemplar todas as orientaes tcnicas sobre a elaborao do arquivo digital, cujaorientao integral sobre sua estrutura e apresentao deve ser buscada no Manual de Orientao anexo ao AtoCOTEPE/ICMS n 38, de 2009 , bem como na legislao de cada uma das unidades federadas.Com o objetivo de simplificar os processos e reduzir as obrigaes acessrias impostas aos contribuintes, foiinstituda a EFD, pela qual o contribuinte ir apresentar na forma digital, com transmisso via Internet, os registros dosdocumentos fiscais da escriturao e os respectivos demonstrativos de apurao dos impostos IPI e ICMS de cada perodode apurao, bem como outras informaes de interesse econmico-fiscais.Objetivos A Escriturao Fiscal Digital EFD parte integrante do projeto SPED a que se refere o Decreto n 6.022, de 22de janeiro de 2007, que busca promover a integrao dos fiscos federal, estaduais, Distrito Federal e, futuramente,municipais, e dos rgos de Controle mediante a padronizao, racionalizao e compartilhamento das informaes fiscaisdigitais, bem como integrar todo o processo relativo escriturao fiscal, com a substituio do atual documentrio emmeio fsico (papel) por documento eletrnico com validade jurdica para todos os fins.Para tanto, todos os documentos eletrnicos so assinados digitalmente com uso de Certificados Digitais, do tipoA1 ou A3, expedidos, em conformidade com as regras do ICP-Brasil, pelos representantes legais ou seus procuradores,tendo este arquivo validade jurdica para todos os fins, nos termos dispostos na MP-2200-2, de 24 de agosto de 2001.Para ser possvel alcanar os objetivos propostos, ocorreu a unio de esforos de representantes, no s dos rgosde Controle e de Fiscalizao Tributria, mas tambm de representantes da iniciativa privada de diversos segmentos da vidaeconmica do Pas que atuaram de forma decisiva, como parceiros na elaborao das especificaes do projeto.Seo 2 LegislaoESCRITURAO FISCAL DIGITAL EFD Dispe o Convnio ICMS n 143, de 15 de dezembro de 2006, acerca da instituio da Escriturao Fiscal Digital EFD - em arquivo digital, de uso obrigatrio para os contribuintes do Imposto sobre Operaes Relativas Circulao deMercadorias e sobre Prestaes de Servios de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicao ICMS e/oudo Imposto sobre Produtos Industrializados IPI - e que se constitui de um conjunto de registros de apurao de impostos,referentes s operaes e prestaes praticadas pelo contribuinte, bem como de documentos fiscais e de outras informaesde interesse dos fiscos das unidades federadas e da Secretaria da Receita Federal do Brasil. O contribuinte deve gerar e manter uma EFD para cada estabelecimento, devendo esta conter todas as informaesreferentes aos perodos de apurao do(s) imposto(s). Estabelece ainda o referido Convnio que o contribuinte deve manter todos os documentos fiscais que deramorigem escriturao, na forma e prazos estabelecidos para a guarda de documentos fiscais na legislao tributria,observados os requisitos de autenticidade e segurana nela previstos. O Ato COTEPE/ICMS n 09, de 18 de abril de 2008, e suas atualizaes, definiram os documentos fiscais, asespecificaes tcnicas do leiaute do arquivo digital da EFD, que contm informaes fiscais e contbeis, bem comoquaisquer outras informaes que venham a repercutir na apurao, pagamento ou cobrana de tributos de competncia dosentes conveniados. Ver tambm Ajuste SINIEF n 02, de 03 de abril de 2009 e alteraes. A partir de 01 de janeiro de 2009, os contribuintes obrigados Escriturao Fiscal Digital - EFD - devemescritur-la e transmiti-la, via Internet.Seo 3 Da apresentao do arquivo da EFD O arquivo digital deve ser submetido a um programa validador, fornecido pelo SPED Sistema Pblico deEscriturao Digital - por meio de download, o qual verifica a consistncia das informaes prestadas no arquivo. ApsPgina 2 de 1621162 3. Guia Prtico EFD Verso 2.0.4Atualizao: 11 de maro de 2011essas verificaes, o arquivo digital assinado por meio de certificado digital, tipo A1 ou A3, emitido por autoridadecertificadora credenciada pela Infra-Estrutura de Chaves Pblicas Brasileira ICP-Brasil e transmitido.As regras de negcio ou de validao, ora implementadas, podem ser alteradas a qualquer tempo, visto que tmpor finalidade nica e exclusivamente verificar as consistncias das informaes prestadas pelos contribuintes.Ainda que determinados registros e/ou campos no contenham regras especficas de validao de contedo ou deobrigatoriedade, esta ausncia no dispensa, em nenhuma hiptese, a no apresentao de dados existentes nos documentose/ou de informao solicitada pelos fiscos.Regra geral, se existir a informao, o contribuinte est obrigado a prest-la. A omisso de informaes poderacarretar penalidades e a obrigatoriedade de reapresentao do arquivo integral, de acordo com as regras estabelecidas pelaAdministrao Tributria.Seo 4 Periodicidade das informaes Os arquivos da EFD tm periodicidade mensal e devem apresentar informaes relativas a um ms civil ou frao,ainda que as apuraes dos impostos (ICMS e IPI) sejam efetuadas em perodos inferiores a um ms, segundo a legislaode cada imposto. Portanto a data inicial constante do registro 0000 deve ser sempre o primeiro dia do ms ou outro, se for incio dasatividades, ou de qualquer outro evento que altere a forma e perodo de escriturao fiscal do estabelecimento. A data finalconstante do mesmo registro deve ser o ltimo dia do mesmo ms informado na data inicial ou a data de encerramento dasatividades ou de qualquer outro fato determinante para paralisao das atividades daquele estabelecimento. Os prazos para a transmisso dos arquivos so definidos por legislao estadual.Seo 5 Da assinatura com certificado digitalPodero assinar a EFD, com certificados digitais do tipo A1 ou A3:1. o e-PJ ou e-CNPJ que contenha a mesma base do CNPJ (8 primeiros caracteres) doestabelecimento;2. o e-PF ou e-CPF do produtor rural ou do representante legal da empresa no cadastro CNPJ;3. a pessoa jurdica ou a pessoa fsica com procurao eletrnica cadastrada no site da RFB, porestabelecimento.Cadastramento de Procurao Eletrnica:No site da RFB, http://receita.fazenda.gov.br, na aba Empresa, clicar em Todos os servios, selecionarProcurao Eletrnica e Senha para pesquisa via Internet, procurao eletrnica e continuar ou opcionalmentehttps://cav.receita.fazenda.gov.br/scripts/CAV/login/login.asp.1. Login com certificado digital de pessoa jurdica ou pessoa fsica (produtor rural);2. Selecionar Procurao eletrnica;3. Selecionar Cadastrar Procurao ou outra opo, se for o caso;4. Selecionar Solicitao de procurao para a Receita Federal do Brasil;5. Preencher os dados do formulrio apresentado e selecionar a opo Assinatura da EscrituraoFiscal Digital (EFD) do Sistema Pblico de Escriturao Digital, constante do quadro Destinados tantoa Pessoa Fsica quanto a Pessoa Jurdica.6. Para finalizar, clicar em Cadastrar procurao, ou Limpar ou Voltar.Obs.: No caso de estabelecer Procurao Eletrnica em nome de filial para terceiros: 1. https://cav.receita.fazenda.gov.br/scripts/CAV/login/login.asp 2. Login com certificado digital de pessoa jurdica; 3. Na opo Alterar perfil de acesso, selecionar CNPJ matriz atuando como CNPJ filial e alterar; 4. Preencher os dados do formulrio apresentado, e selecionar a opo Assinatura da Escriturao Fiscal Digital (EFD) do Sistema Pblico de Escriturao Digital, constante do quadro Destinados tanto a Pessoa Fsica quanto a Pessoa Jurdica. 5. Para finalizar, clicar em Cadastrar procurao, ou Limpar ou Voltar.Seo 6 Da prestao e da guarda de informaesO arquivo digital da EFD ser gerado pelo contribuinte de acordo com as especificaes do leiaute definido emAto COTEPE e conter a totalidade das informaes econmico-fiscais e contbeis correspondentes ao perodocompreendido entre o primeiro e o ltimo dia do ms civil, inclusive.Considera-se totalidade das informaes:1 - as relativas s entradas e sadas de mercadorias bem como aos servios prestados e tomados, incluindo a descrio dositens de mercadorias, produtos e servios.Pgina 3 de 1621162 4. Guia Prtico EFD Verso 2.0.4 Atualizao: 11 de maro de 20112 - as relativas quantidade, descrio e valores de mercadorias, matrias-primas, produtos intermedirios, materiais deembalagem, produtos manufaturados e produtos em fabricao, em pos