Edição 157

  • View
    214

  • Download
    1

Embed Size (px)

DESCRIPTION

01 de Agosto de 2014 - 01st, August of 2014

Text of Edição 157

  • Pres

    erve

    o m

    eio

    ambi

    ente

    . Lei

    a e

    repa

    sse.

    Que

    m re

    cicl

    a ed

    uca!

    Prefeitura de Barueri apresenta Plano de Habitao

    Retorno de Anderson Silva anunciado

    Cientistas conseguem limpar DNA infectado de HIV

    Circulao: Barueri - Santana de Parnaba e Regio.D

    eus

    Fi

    el

    Min

    Mx26C

    12C

    A M E C O M n A s C E C O M O b j E t i v O d E M u dA r O O l h A r d O p r O f i s s i O n A l d E C O M u n i C A OIsr

    ael V

    alr

    io

    1 5 7 E d i o - 0 1 d e a g o s t o 2 0 1 4 - A n o 5 - D i s t r i b u i o G r a t u i t a

    Continue por dentro das noticias em nosso site - Atualizado Diariamente - www.jornalsucessonews.com.br

    Pg.11

    A c o n t e c e n a C i d a d e

    S a d e

    P o r D e n t r o d o E s p o r t e

    A AMECOM visa promover os veculos de comunicao, e ampliar a atuao das publicaes na Regio Oeste. . .

    04

    05

    06

    09

    Pg. 11

    A c o n t e c e n a C i d a d e

    I Frum Municipal de Cultura ser realizado em Barueri

    F i l i a d o

  • Circulao: Barueri , Jandira, Santana

    de Parnaba e regio (rgos pblicos / Bancas

    selecionadas).

    Diretor Geral: Fbio Vidic Belisrio.

    Diretores Financeiros: Dr. Mrio Belisrio

    Fbio Vidic Belisrio

    Depto. Jurdico: Dr. Mrio Belisrio

    OAB-258793

    Editor Responsvel:Leonardo Ferreira

    Twitter: @leo_ferrreira

    Jornalista Responsvel: Fbio Vidic Belisrio

    MTB: 44.400/SP

    Designer Grfico: Israel Valrio

    Impresso: MarMar Grfica

    (tiragem 5.000 exemplares semanais)

    Contatos:4198 9269Facebook:

    /jornalsucessonewsE-mail: sucessonews@bol.com.br

    Twitter: @JSucessoNews

    www.jornalsucessonews.com.br

    Rua Prof Elvira L. S. Nemer, 170Jd. So Pedro l Barueri l SP

    CEP: 06402 190

    Publicao: FVB Comunicaes Ltda-ME

    CNPJ: 12.023.876/0001-32Periodicidade Semanal

    Fbio Vidic BelisrioTwitter: @jornalistaFABIOsucessonews@bol.com.br

    www.israelvalerio.com.br

    Bate Papo

    O jornalismo regional de grande importncia, pois cria vnculos com as pessoas e fortifica a identidade do lugar. As pessoas preferem ver notcias da sua cidade ou regio a verem notcias que no lhe causam muito impacto. A criao de um jornal regional fomenta a participao dos indivduos, a interao e formao social de um coletivo. As pessoas se socializam e interagem em seu ambiente, seja ele a vila, a cidade, o subrbio, formando redes sociais, seguindo um padro altamente diversificado que d margem a interpretaes alternativas. O jornalismo regional deve ser tratado como transformador da matria-prima (informao), pois ele apresenta os fatos de acordo com a cultura de um determinado povo, sua relevncia e impacto. J os grandes jornais, mantm na mdia, muitas vezes as mesmas notcias. Isto acontece no rdio, no impresso e principalmente na televiso. Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatstica) divulgados no dia 12 de novembro de 2003, somente oito por cento dos municpios no Brasil geram todos os programas de TV assistidos em todo o pas. O momento de mudanas, e foi por esta causa, de um jornalismo nico, slido e livre, que um grupo de empresrios de comunicao decidiram criar a AMECOM - Associao Metropolitana de Comunicao, que vem como um rgo para unir a categoria que anda muito dispersa, sem objetivos, e a merc da prostituio de governantes que acham que podem manipular a mdia regional da forma que bem entendem. Desde o ltimo dia 30, somamos todos juntos s de incio mais de 150 mil exemplares ms em toda nossa regio, causando um impacto miditico impressionante, e claro com conceitos de expandir cada dia mais, para que o trabalho dos profissionais de comunicao sejam mais focados, e sem dependncias, pois sabemos que em muitos isto existe. A AMECOM est s em seu incio, mais nascemos pra ser mais uma entidade de peso e representativa, onde Unidos Falamos mais alto. isso que vai ser daqui pra frente, unio de todos veculos de comunicao em busca de um s ideal, a liberdade total de imprensa. Parabns todos que confiaram na ideologia e que abraaram esta idia. Estamos juntos, agora somos AMECOM. Bom fim de semana!

    Esse manual muito legal pra voc que est comeando, imprima e guarde para fazer uma consulta rpida. Ele poder lhe ajudar a entender melhor todo o funcionamento de uma cmera fotogrfica. Compartilhe com seus amigos!

    AMECOM Unidos falamos mais alto!M a n u a l r p i d o d e f o t o g r a f i a

    1412 14 16MinMx

    Min

    Mx

    Min

    Mx

    Min

    Mx 2426 28 27

    Sexta-Feira Sbado Domingo

    P R E V I S O D O T E M P O

    Sexta-feira 01/08/2014 w w w . j o r n a l s u c e s s o n e w s . c o m . b r

    Segunda-Feira

    Div

    ulga

    o

  • Planalto ps elogios a Padilha em pgina da WikiPdia

    So Paulo tem nove candidatoS ao governo estadual

    Rep

    rodu

    o/

    Wik

    ipd

    ia

    Rep

    rodu

    o/

    Wik

    ipd

    ia

    ales

    p

    Redao

    Onze computadores do governo federal foram usados para alterar pginas da Wikipdia, enciclopdia on-line cujos textos podem ser editados livremente, como as do ex-ministro da Sade Alexandre Padilha (PT), do Movimento Passe Livre e do ex-governador Jos Serra (PSDB-SP). Em levantamentos realizados com os endereos de IP registrados em nome do Serpro (Servio Federal de Processamento de Dados) e da Presidncia da Repblica mostram que artigos sofreram mudanas tanto para a incluso de elogios e a retirada de crticas como para o inverso. As edies, feitas entre 2008 e 2014, acabaram desfeitas por outros usurios, por infringirem regras de uso. IPs so como uma impresso digital na internet, o que permite identificar ao menos a organizao responsvel pelo acesso. A Wikipdia registra todos os endereos do tipo que fazem alteraes. O caso mais relevante de edio ocorreu em dezembro de 2013, quando uma conexo de internet da Presidncia foi usada para retirar trecho sobre suspeitas de corrupo na Funasa (Fundao Nacional da Sade) quando Alexandre Padilha era diretor do rgo, e incluir elogio ao programa Mais Mdicos. Em 10 de junho de 2013, em meio aos protestos de rua liderados pelo MPL (Movimento Passe Livre), um IP do Serpro foi usado para alterar a pgina do grupo na Wikipdia. A edio dizia que o MPL se utiliza de protestos e, no raramente, depredao e violncia para alavancar reivindicaes. Tambm afirmava que a tarifa zero ignora que todo aumento de

    Redao

    Nove candidatos esto na disputa pelo governo de So Paulo, maior colgio eleitoral do Pas, com 31.998.429 eleitores, conforme dados levantados at junho deste ano. Os nove pedidos de registro de candidatura ainda esto sendo analisados pelo Tribunal Regional Eleitoral de So Paulo (TRE-SP).Com populao estimada de 43,66 milhes de habitantes, segundo levantamento de 2013 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatstica (IBGE), o Estado o mais populoso do Pas e tem tambm o maior Produto Interno Bruto (PIB) entre as 27 unidades federativas, em 2011, a soma de todos os bens e servios produzidos em So Paulo representava cerca de 32,6% do PIB nacional. So Paulo tem economia diversificada, baseada principalmente na indstria de transformao, no comrcio e no setor financeiro. A disputa estadual rene trs mdicos, dois jornalistas, um advogado, um empresrio, um operrio e um servidor pblico estadual. Concorrendo chefia do Executivo em So Paulo o atual governador, mdico Geraldo Alckmin, do PSDB, 61 anos, que tenta a reeleio apoiado por uma coligao de 14 partidos; o mdico e ex-ministro da Sade Alexandre Padilha, 42 anos, do PT, em coligao com o PCdoB e o PR; o professor, escritor e jornalista Gilberto Maringoni, 55 anos, do Psol, em aliana com o PSTU; o mdico e vereador Gilberto Natalini, do PV, 62 anos; o advogado e vereador Larcio Benko. do PHS, que tem 41 anos e apoiado pelo PRP; o empresrio e presidente licenciado da Federao das Indstrias do Estado de So Paulo (Fiesp) Paulo Skaf,

    Redao

    Depois de sessenta dias de suspenso, a Executiva Estadual do PT de So Paulo anunciou que vai expulsar o deputado estadual Luiz Moura, acusado de ter ligaes com o grupo criminoso PCC (Primeiro Comando da Capital). Em reunio, os membros da executiva decidiram por unanimidade no acolher a defesa feita pelo deputado estadual e vo pedir aos membros do diretrio que votem formalmente pela sada do parlamentar da legenda. O Diretrio Estadual do PT paulista deve se reunir para ratificar a deciso da Executiva, segundo o presidente estadual da sigla, Emdio de Souza: Essa deciso foi tomada aps amplo processo, onde o deputado teve um amplo direito de defesa. Ele foi ouvido numa comisso especial criada pela Executiva, depois ouvido na bancada e na prpria Executiva. Ele foi convidado para a reunio de hoje e tinha direito a trazer documentos e at oito testemunhas. Mas no veio. A nica coisa que ele fez foi encaminhar um documento ontem, pedindo a anulao desse processo, afirmou. O presidente estadual do PT diz que as acusaes que pesam contra o deputado estadual e os danos causados imagem do partido em So Paulo foram os principais argumentos para a deciso de expulsar o parlamentar.

    Fonte: Terra

    gasto pblico implica menos oramento para sade e educao. Em maro de 2010, ano em que o ex-governador paulista Jos Serra (PSDB) concorreu Presidncia contra Dilma Rousseff (PT), um computador do governo federal foi usado para incluir crticas ao poltico na enciclopdia. O trecho dizia que se eleito presidente, [Serra] pretende, como uma de suas metas, acabar com todas as empresas estatais e sucatear todas as empresas pblicas - durante a campanha, o tucano negou ter esse objetivo. Outras edies foram feitas em pginas como as da Lei Roua