Click here to load reader

Estudo Biblico-provérbios- O valor dos bons conselhos

  • View
    98

  • Download
    5

Embed Size (px)

Text of Estudo Biblico-provérbios- O valor dos bons conselhos

Apresentao do PowerPoint

Escola Bblica DominicalSubsdios para a aula.Elaborado pelo Irm Josefa Gomes email: [email protected] EBD IEAD Pinheiro - Classe Rosa de Saron

Lio 01O Valor dos bons conselhosOs conselhos tm um valorincalculvel quando precisamos de orientao; porm, devemosavali-los para saber se elesesto de acordo com osensinamentos bblicos

IntroduoO livro de Provrbios e Eclesiastes nos presenteado como uma fonte inesgotvel para viver uma vida de qualidade, de forma que agrademos a Deus e desfrutemos do melhor que ela pode nos oferecer.Os ditados populares por muitas vezes rege as regras e normas da sociedade, mas o cristo tem na Bblia Sagrada sua nica regra infalvel de F normativa para a vida e o carter cristo.

Estudo Bblico - Temtica - O valor dos bons conselhos

No livro de Provrbios encontramos:

Os melhores conselhos para uma vida bem proveitosa aqui na terra;

Um mapa de sabedoria para trilharmos o verdadeiro caminho da felicidade;

Uma receita simples para as decises mais difceis que tivermos de tomar.Provrbios - Sabedoria divina para todos os dias I - O livro de Provrbios

O ttulo vem do hebraicoMishl Shelomoh(uma transliterao para Provrbios de Salomo). NaSeptuaginta, o nome no grego koin Paroimiai(Provrbios, Parbolas).Olivro de Provrbios, no Antigo Testamento, mostra na prpria introduo o seu propsito: conselhos que mostram o caminho da sabedoria, que propicia disciplina, prudncia e integridade. A maioria dos versculos de autoria dorei Salomo, o filho de Davique pediu a Deus o dom da sabedoria, que compartilha com seus sditos e com todos os leitores da Bblia da posteridade.Na Bblia, o livro valoriza no s a boa conduta, mas tambm a espiritualidade e a cultura do povo judeu antigo, transmitida a seus descendentes. O texto deixa bem claro que a verdadeira sabedoria provm de Deus, como um dom a seus filhosVer um conselho que: Nesses conselhos estovrios aspectos das vidas de todos ns: casamento, finanas, pecados, costumes, justia, atitudes, famlia, trabalho e muitos outrosentre a mirade de quesitos do cotidiano. Deixam bem claro que a qualidade de vida muito superior quando so seguidos os padres de Deus.Deixam bem claro que a qualidade de vida muito superior quando so seguidos os padres de Deus.1 Tema a Deus (Provrbios 1.7). Este o primeiro passo para quem deseja ter sucesso na vida;2 Escute o que o seu pai ensina e preste ateno ao que diz a sua me (Provrbios 1.8-9). A orientao dos pais aperfeioa o nosso carter, principalmente quando os respeitamos e obedecemos;

A sabedoria contido no Livro de Provrbios to significativa hoje quanto era na poca em que o livro foi escrito. No entanto, no um panfleto sobre a prosperidade nem um guia de como ter sucesso no sentido mundano.O livro mostra como ordenar os valores de algum, o que conduz ao carter, que conduz integridade, que conduz satisfao. Ele adverte quanto as armadilhas ao longo do caminho e declara a loucura de no desenvolver o temor do Senhor. Uma vez que esse livro de trinta e um captulos contm tanta coisa que valiosa para ser meditada diariamente e seu contedo relevante para todas as pocas.O livro recebe o nome de Eclesiastes, uma palavra de origem grega, que oriunda - se de ekklesia, assemblia. No hebraico, o livro intitulado Qohelet, que tem o mesmo sentido do termo grego: orador, pregador. Esta palavra hebraica origina-se de qahal, reunir, congregar. Provavelmente Qohelet significava algum que convocava ou, mais provavelmente, quem falava a um encontro de pessoas, e da (grego ekklesiastes) o conhecido ttulo em portugus O Pregador.

Autoria e data: Muitos estudiosos atribuem o livro de Eclesiastes a Salomo. Supostamente algumas evidncias no livro apontam autoria salomnica: O autor identifica-se como filho de Davi (1.1).

Ao ler Eclesiastes 1.1 e o captulo 2, no temos dvida de que Salomo seu autor. Alm disso, tanto a tradio judaica quanto a crist conferem a autoria do livro a Salomo.Eclesiastes um livro biogrfico e durante a sua leitura percebemos que no existe uma sequncia lgica. A impresso que temos que os textos foram surgindo de tempos em tempos, como em um dirio. o relato triste de um homem que, embora sbio, viveu parte da sua vida longe de Deus. O propsito mostrar, e em especial aos jovens, que o sentido da vida no est nos bens materiais, no conhecimento, no prazer, na fama. O verdadeiro sentido da vida est em viver para Deus.

Salomo fez uma abordagem muito honesta em reao vida. Todas as suas observaes sobre a futilidade das coisas tem um propsito: levar-nos a buscar a realizao e a felicidade em Deus. Salomo no almejou destruir a nossa esperana, mas dirigi-la quele que pode verdadeiramente torn-la realidade e dar significado nossa vida.

II - A SABEDORIA DOS ANTIGOS

1 - A inteligncia dos sbios- Nos tempos antigos era comum alguns homens, geralmente os ancios, se destacarem em sabedoria, por isso eram consultados at pelos reis.- Desde o princpio, os ancios eram escolhidos a participar das importantes decises, porque eram tidos como sbios por sua experincia (x 3:16).

III - AS FONTES DA SABEDORIA1 - A sabedoria popular- Esses livros fazem uso da sabedoria popular adquirida na vida cotidiana, pois a sabedoria no privilgio somente de homens bem estudados.- Conselhos seculares saudveis tambm ajudam espiritualmente; porm, precisamos discernir se eles no ferem os mandamentos divinos (Sl 1:1).2 - A sabedoria divina- A Sabedoria de Salomo vinha de Deus, e foi ele mesmo quem a pediu; essa virtude o tornou um excelente lder guiado pelas mos do Senhor.- Quando a sabedoria provm de Deus produz bons frutos mostrando claramente a diferena entre o justo e o mpio (Tg 3:17).

IV - O PROPSITO DA SABEDORIA

1 - Valores ticos e morais- Os autores de provrbios demonstram grandes preocupaes com os valores ticos e morais na poca, inclusive em relao aos jovens.- Logo no incio do livro a mensagem bem clara ao dizer que a sabedoria a base da boa convivncia tanto com o homem quanto com Deus (Pr 1:2-6).

2 - Valores espirituais- A exaltao ao Senhor por meio da valorizao da sabedoria que Ele d aos homens; desprezar o conhecimento desprezar um dom dado por Deus.- A verdadeira sabedoria consiste em respeitar Aquele que a criou no nos julgando sbios por ns mesmos (Pr 1:7; 2 Co 3:4).

No perca o Alvo

A sabedoria de Salomo

- Em seus escritos, vemos que a sociedade da poca de Salomo tinha problemas iguais aos nossos, pois suas palavras so totalmente atualizadas.- Ele pediu sabedoria no somente pensando em si prprio, mas no povo que ele tinha para governar, o Senhor contemplou seu amor pela nao seguido de seu desprendimento pelo materialismo (2 Cr 1:7-12).

Concluso - Jesus: fonte de todo o conhecimento e sabedoria!

Ele, por Ele e para Ele: Jesus guarda todo o saber e toda a cincia. Ele a chave que abre todas as portas do entendimento. Ele tudo que precisamos, no Qual tudo se completa e se renova. Pobre homem tolo que pensa saber/dominar o conhecimento. Se sabemos porque DEle, Jesus, vem o nosso saber e porque Ele permite que saibamos.porm Deus uniu vocs com Cristo Jesus e fez com que Cristo seja nossa sabedoria[...] 1Co 1:30.De uma s pessoa vm tudo o que se deseja saber e conhecer, ou seja, na pessoa do Filho, podemos ter toda sabedoria. Jesus o segredo de Deus o qual a chave que abre todos os tesouros escondidos do conhecimento e da sabedoria que vm de DEUS. Ele nos responde quando O buscamos de todo o corao.

BibliografiaBblia de Estudo PentecostalBblica de Aplicao PessoalDicionrio Bblico Ilustrado Editora Vida NovaComentrio do Antigo Testamento Editora VidaDicionrio Internacional de Teologia do AT - Editora VidaManual de Exegse Bblica AT e NT Douglas Stuart - Editora Vida