GESTÃO FINANCEIRA DE EMPRESAS - ufjf.br .de investimentos Dimensionamento dos fluxos de caixa; Avaliação

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of GESTÃO FINANCEIRA DE EMPRESAS - ufjf.br .de investimentos Dimensionamento dos fluxos de caixa;...

GESTO FINANCEIRA DE EMPRESAS

Prof. Anderson Valverde

Setembro de 2014

AGENDA1. Avaliao de Projetos de Investimento

1.1 Risco e Retorno1.2 Tcnicas de Avaliao de Investimentos1.2.1 Payback simples1.2.2 Payback descontado1.2.3 Valor presente lquido 1.2.4 Taxa interna de retorno 1.2.5 Taxa interna de retorno modificada1.2.6 ndice de Lucratividade

AGENDA2. Noes de Contabilidade

3. Gesto Financeira de Curto Prazo

3.1. Introduo Gesto de Curto Prazo

3.2. Gesto do Disponvel

3.3. Gesto do Crdito

3.4. Gesto de Estoques

Metodologia

Exposies Dialogadas

Exerccios em sala de aula (40%)

Avaliao Individual (60%)

OBJETIVO DA GESTO FINANCEIRA

Maximizao do lucro?

ou Maximizar o valor de mercado do capital dos proprietrios?

ESTRUTURA BSICA DAS DECISES FINANCEIRAS

FINANAS DE CURTO PRAZO - decises que afetam os ativos e passivos circulantes.

FINANAS DE LONGO PRAZO - decises que afetam os demais ativos e passivos.

Risco e Retorno

As decises financeiras so tomadas em um ambiente deincerteza com relao ao futuro;

Parte-se do pressuposto que todo investidor tem averso aorisco e prefere maximizar o retorno de seus investimentos;

Risco: capacidade de se mensurar o estado de incertezade uma deciso mediante o conhecimento dasprobabilidades de ocorrncia de determinados resultados.

I Parte

Avaliao de Projetos de Investimento

Introduo s Teorias de Investimento

As decises de investimento envolvem a elaborao, avaliao e seleo de propostas de aplicaes de capital efetuadas com o objetivo, normalmente de mdio e longo prazo, de produzir determinado retorno aos proprietrios de ativos.

Aspectos bsicos da avaliao de investimentos

Dimensionamento dos fluxos de caixa;

Avaliao econmica dos fluxos de caixa com base na aplicao de tcnicas de anlise de investimento;

Definio da taxa de retorno exigida.

Valor do dinheiro no tempo

Valor do Dinheiro no Tempo

Valor Futuro

O valor futuro de $ 1,00 aplicado por n perodos a taxa i :

Valor Futuro = $1,00 x ( 1 + i )n

Valor Presente

O valor presente de $ 1,00 a ser recebido daqui a n perodos, sendo a taxa de desconto igual a i :

Valor Presente = $1,00 /(1+i)n

Fundamentos do Oramento de Capital

Dispndio de Capital

Um dispndio decapital uma despesaque a empresa faz,visando gerarbenefcios durante umperodo superior a umano.

Motivos bsicos para dispndio de capital

Dispndio para aquisio de ativos

Dispndio para substituio de ativos

Dispndio para modernizao

Dispndios para outras finalidades

Tipos de projetos

ProjetosIndependentes: Soaqueles cuja aaceitao de um delesno elimina aconsiderao dosoutros.

Projetosmutuamenteexcludentes: Aaceitao de um deleselimina a consideraodos outros.

Projetos de Investimento e Fluxo de Caixa

Tipos padres de Fluxos de Caixa

Investimento Inicial

Entradas de Caixa

Tipos padres de fluxo de caixa

Fluxo de caixa convencional:Consiste em uma sada inicial seguida por uma srie de entradas.

Fluxo de caixa no convencional:Consiste em entradas e sadas alternadas.

Entradasde Caixa

Sadasde Caixa

$1.000

0

1 2 3 4 5 6 7 8

$200 $200 $200 $200 $200 $200 $200 $200

Tempo (anos)

Fluxo de Caixa Convencional

Entradasde Caixa

Sadasde Caixa

$2.000

0

1 2 3 4

5

6 7 8

$500 $500 $500 $500 $500 $500 $500

Tempo (anos)

$500 $500

$800

9 10

Fluxo de Caixa No Convencional

Qual taxa de desconto utilizar?

Custo de Capital (k):

Custo de Oportunidade: a melhor remunerao do investimento que seria obtida em uso alternativo.

Taxa Mnima de Atratividade (TMA) =

Taxa de Retorno Bsica + Prmio pelo Risco

Custo Mdio Ponderado de Capital CMPC

Investimento Inicial Esquema Bsico

Custo do novo projeto

(+) Custo de instalao

( - ) Recebimento pela venda de ativos antigos

(+/-) IR s/ venda de ativos antigos

( - ) Vantagem tributria s/ novo ativo

( = ) INVESTIMENTO INICIAL (FC0)

Fluxo de Caixa Livre (+) Receitas

(-) Custos e despesas Variveis

(-) Custos e despesas fixas Desembolsveis

(-) Depreciao

= Lucro Operacional Tributvel

(-) IR e CS

= Lucro Operacional Lquido

(+) Depreciao

= FCO (Fluxo de Caixa Operacional)

(+/-) Investimentos lquidos em equipamentos

(+/-) Investimentos lquidos em capital de giro

= FCL (Fluxo de Caixa Livre)

Fluxo de Caixa Livre 0 1 2 3 4 5

Receita bruta

(-) Custos e despesas variveis

(=) Margem de contribuio

(-) Custos e despesas fixas desembolsveis

(=) LAJIDA ou EBITDA

(-) Depreciao, amortizao ou exausto

(=) LAJIR ou EBIT

(-) IR e CS sobre ganho operacional (LAJIR)

(=) Lucro Operacional Lquido

(+) Depreciao

(=) FCO

(+/-) Variao de ativos no circulantes

(+/-) Variao de capital de giro

(=) FCL

O que importa o caixa!

O lucro, dentro de critrios

perfeitamente adequados, pode ser

manipulado. Caixa no tem jeito.

Como dizem em Wall Street, lucro

opinio; caixa fato

(MANFREDINI, 2001).

Tcnicas de Avaliao de Investimentos

Perodo de Recuperao do Investimento ( Payback ) Valor Presente Lquido ( VPL ) Payback Descontado ndice de Lucratividade ( IL ) Taxa Interna de Retorno ( TIR ) TIR Modificada (TIRM)

Um Exemplo:Empresa Bosco

Perodo de Recuperao do Investimento - Payback

Payback o perodo necessrio para se recuperar o investimento inicial.

No exemplo da empresa Bosco temos os seguintes perodos de recuperao:

Projeto A: 3 anos =

$ 42.000 / $ 14.000

Projeto B: 2,5 anos = $ 28.000 + $ 12.000 +1/2 de $ 10.000 =

$ 45.000

Critrio de deciso

o Projeto B melhor que o Projeto A.

Vantagens e Desvantagens do Payback

Vantagens

Considera a poca dos fluxos;

Considera o risco do projeto;

Considera a Liquidez.

Desvantagens

No considera o valor do dinheiro no tempo;

No considera os fluxos aps o perodo de retorno.

Valor Presente Lquido - VPL

VPL igual ao valor presente das entradas de caixa descontadas a uma taxa igual ao custo de capital, menos o investimento inicial.

Critrio de Deciso

Se o VPL for > ou = a zero deve-se aceitar o projeto.

Se o VPL for < do que zero deve-se rejeit-lo.

Valor Presente Lquido - VPL

No exemplo da empresa Bosco, considerando custo de capital de 10% a.a.

Projeto A

Valor presente das entradas = 14.000 + 14.000 + 14.000 + 14.000 + 14.000 = $ 53.071(1,10) (1,10)2 (1,10)3 (1,10)4 (1,10)5

VPL = - $ 42.000 + $ 53.071 = $ 11.071

Projeto B

Valor presente das entradas = 28.000 + 12.000 + 10.000 + 10.000 + 10.000 = $ 55.924(1,10) (1,10)2 (1,10)3 (1,10)4 (1,10)5

VPL = - $ 45.000 + $ 55.924 = $ 10.924

O Projeto A apresenta maior VPL em relao ao Projeto B

Vantagens e Desvantagens do VPL

Vantagens

Utiliza o fluxo de caixa;

Considera fundamentalmente o valor do dinheiro no tempo;

Busca o aumento do valor da empresa.

Desvantagens

Dificuldade da previso dos fluxos;

Assume a mesma taxa de desconto para o perodo todo.

Payback Descontado

Avalia o prazo de recuperao de investimento,considerando os valores de entradadescontados.

Utiliza-se o mesmo critrio do Paybacktradicional.

Payback Descontado

Nominal Real Nominal Real

Investimento

Inicial 42.000,00 42.000,00 45.000,00 45.000,00

Ano 1 14.000,00 12.727,27 28.000,00 25.454,55

Ano 2 14.000,00 11.570,25 12.000,00 9.917,36

Ano 3 14.000,00 10.518,41 10.000,00 7.513,15

Ano 4 14.000,00 9.562,19 10.000,00 6.830,13

Ano 5 14.000,00 8.692,90 10.000,00 6.209,21

Projeto A Projeto B

Valores em R$

Custo de Capital (k): 10% a.a.

Resoluo

Projeto A - Recuperao em 3,75 anos

Projeto B - Recuperao em 3,31 anos

Valores em R$

Real Acumulado Real Acumulado

Investimento

Inicial-42.000,00 -42.000,00 -45.000,00 - 45.000,00

Ano 1 12.727,27 -29.272,73 25.454,55 - 19.545,45

Ano 2 11.570,25 -17.702,48 9.917,36 - 9.628,10

Ano 3 10.518,41 - 7.184,07 7.513,15 - 2.114,95

Ano 4 9.562,19 6.830,13

Ano 5 8.692,90 6.209,21

Projeto BProjeto A

ndice de Lucratividade - IL

Denominado tambm ndice de custo -benefcio.

Mede o retorno relativo.

IL = valor presente das entradas de caixa / valor presente das sadas de caixa

Critrio de Deciso

Se o IL for > ou = a 1, aceita-se o projeto.

Se o IL for < que 1, rejeita-se o projeto.

O IL leva a mesma deciso que o VPL.

entoVPInvestim

k

CF

k

CF

k

CF

k

CF

IL

n

n

+

++

+

+

+

+

+=

)1(...

)1()1()1( 33

22

11

=VPI

VPIL

ndice de Lucratividade - IL

No exe